Todas as regiões do Estado recebem alertas do governo devido ao avanço da covid-19 - Notícias

Versão mobile

 
 

Risco26/01/2022 | 08h46Atualizada em 30/01/2022 | 15h13

Todas as regiões do Estado recebem alertas do governo devido ao avanço da covid-19

As 21 Regiões Covid do sistema de monitoramento apresentaram piora nos indicadores

Todas as regiões do Estado recebem alertas do governo devido ao avanço da covid-19 Lauro Alves / Agencia RBS/Agencia RBS
Região de Santa Cruz do Sul entra na nova leva de Alertas do Governo do RS Foto: Lauro Alves / Agencia RBS / Agencia RBS

O governo do Estado emitiu alertas, dentro do sistema 3As de monitoramento da pandemia, para todas as 21 Regiões Covid. A decisão foi tomada após uma reunião do Gabinete de Crise, realizada nesta terça-feira (25), e teve como base a piora dos indicadores, segundo o governo. Os alertas são consequência do aumento de casos de covid-19 e do crescimento de internações em leitos clínicos e de UTI nas regiões.

Em 19 de janeiro, o Gabinete de Crise emitiu alertas para as regiões de Canoas, Capão da Canoa, Caxias do Sul, Erechim, Lajeado, Novo Hamburgo, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Santa Maria, Santa Rosa e Uruguaiana. Nesta terça-feira, foram mantidos os alertas nessas regiões e emitidos novos para as regiões de Bagé, Cachoeira do Sul, Cruz Alta, Guaíba, Ijuí, Palmeira das Missões, Santa Cruz do Sul, Santo Ângelo e Taquara.

O Sistema dos 3As (Aviso, Alerta e Ação) prevê que, assim que receber o alerta, a região deve enviar planos para tentar solucionar os apontamentos, ou seja, tomar uma ação. O Gabinete de Crise recebeu os planos de ação das regiões que receberam o alerta na semana passada.

Conforme o governo, elas apontaram que intensificariam a fiscalização da obediência aos protocolos obrigatórios e recomendados e ampliariam o horário de atendimento da estrutura de saúde, entre outras medidas. Além disso, muitas das regiões determinaram o cancelamento de eventos de grande porte.  Os Planos de Ação foram recebidos e as medidas estão sendo avaliadas. As regiões devem seguir acompanhando os indicadores diariamente. 

Foram registrados nesta terça-feira mais 19 mil casos de covid-19 e 50 óbitos pela doença no Rio Grande do Sul. Um número tão elevado de óbitos registrado em um mesmo dia não era visto no Rio Grande do Sul desde 17 de novembro.

Apenas nos últimos sete dias, a média móvel de casos confirmados aumentou 67%. Com esse salto, a incidência semanal alcançou mil casos por 100 mil habitantes, o que representa 1% da população gaúcha com caso positivo registrado na última semana.


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros