Novas vagas são abertas em escolas da Zona Sul para suprir demanda do Ensino Médio - Notícias

Versão mobile

 
 

Rede pública01/06/2022 | 05h00Atualizada em 01/06/2022 | 05h00

Novas vagas são abertas em escolas da Zona Sul para suprir demanda do Ensino Médio

Após reunião sobre falta de vagas em escolas da Restinga e Extremo-Sul, Secretaria Estadual da Educação abre duas turmas de 1º ano

Novas vagas são abertas em escolas da Zona Sul para suprir demanda do Ensino Médio Mateus Bruxel / Agencia RBS/Agencia RBS
Ainda há crianças na Capitalaguardando para estudar Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS / Agencia RBS

A falta de vagas na escolas de Ensino Fundamental e Médio da zona sul de Porto Alegre foi novamente debatida em uma reunião, na semana passada, dia 25, entre conselheiros tutelares da Restinga e Extremo-Sul e representantes da Secretaria Estadual da Educação (Seduc), Secretaria Municipal de Educação (Smed), Defensoria Pública, entre outros. Na edição de 21 de maio, o Diário Gaúcho mostrou a demanda de matrículas e de transferências evidenciadas pelos conselheiros tutelares

LEIA MAIS
Três meses após início do ano letivo, crianças e adolescentes ainda aguardam por vaga na Zona Sul
Projeto oferece atividades em turno inverso ao da escola em Eldorado do Sul
Escolas da periferia sentiram ainda mais os lapsos de aprendizagem deixados pela pandemia 

Conforme Alice Goulart, conselheira da Microrregião 7, foram encaminhadas à Seduc 544 requisições, sendo 442 do Ensino Fundamental e 102 do Médio. Deste número, a maior parte era de solicitações de vagas para o 1º ano, tanto do Ensino Fundamental quanto do Médio. O cenário teve um avanço e, nesta última reunião, foi divulgada a abertura de mais turmas. 

– Efetivamente conseguimos duas turmas no Ensino Médio em uma escola da Restinga, a José do Patrocínio. Na reunião, houve o anúncio de 49 vagas em duas turmas. Agora, está sendo analisada a abertura de mais turmas, pois não teve abertura de vagas para o Ensino Fundamental – explica a conselheira. 

Resoluções

De acordo com a Seduc, foram disponibilizadas 60 novas vagas para o 1º ano do Ensino Médio – 11 vagas a mais do que anunciado na reunião com o Conselho Tutelar. A demanda existente, segundo a pasta, era de 56 matrículas. Desta forma, foi atendida por meio da abertura de novas turmas.

Já em relação aos alunos que aguardam por vagas no 1º ano do Ensino Fundamental, a Seduc alegou que existem tratativas com a Smed em regime de colaboração, para que os alunos sejam atendidos dentro do zoneamento de suas residências. “Para o caso de escolas que tenham alcançado seu limite de atendimento de estudantes, os demais interessados são encaminhados para instituições de ensino nas proximidades da escola de interesse”, informou a pasta.

Conforme informações divulgadas na rede social do deputado Dr. Thiago Duarte (União), que participa das reuniões, ainda ficaram em aberto 161 requisições de vagas. Segundo Alice, esse número já subiu desde a reunião, passando de 200 requisições ainda sem retorno. Sobre este número, a Secretaria de Educação da Capital esclareceu que são referentes a vagas divididas entre a Seduc e Smed para o Ensino Fundamental. A pasta afirmou que “abriu duas novas turmas na Emef Dolores Alcaraz Caldas e está aguardando o preenchimento do quadro de Recursos Humanos para iniciar” e que essas novas turmas vão comportar um total de 30 crianças. A Smed ainda destacou que está verificando a possibilidade de abertura de turmas em outras escolas. 

Nova reunião

Sobre a demanda para a Educação Infantil, na Restinga, a Smed tem uma demanda de 479 vagas e para minimizar esse número existe o projeto de ampliação de vagas nas escolas conveniadas da região. 

Uma nova reunião entre os conselheiros e os representantes da Educação ocorrerá no dia 15 de junho. 

– A reunião é importante porque precisamos bater as informações, e precisamos que as crianças estejam com seus direitos garantidos. Permanecemos gastando energia nessa pauta – afirmou a conselheira Alice. 

Como efetuar a matrícula

Seduc

/// Pais e/ou responsáveis podem procurar vaga tanto diretamente na escola pretendida (havendo a vaga, a matrícula é feita no ato), ou na Central de Vagas, que procede com a busca de vaga no zoneamento relativo à residência da família e encaminha a designação para ser entregue junto à instituição de ensino.

/// A Central de Vagas da Seduc é localizada na Avenida Borges de Medeiros, 1.501, e atende pelo e-mail central-portoalegre@seduc.rs.gov.br ou pelos telefones: (51) 3288-4892, (51) 3288-4894, (51) 3288-4895.

Smed

/// Procure uma escola da rede própria de Porto Alegre ou da rede comunitária perto da sua casa, ou entre em contato pelo e-mail gestaodevagas@portoalegre.rs.gov.br ou pelos telefones (51) 3289-1988 e (51) 3289-1803.

Leia mais notícias do Diário Gaúcho  

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros