Patrícia Marx desabafa e defende a liberação da maconha: "É o futuro" - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Ex "Trem da Alegria"19/10/2016 | 14h48Atualizada em 19/10/2016 | 14h48

Patrícia Marx desabafa e defende a liberação da maconha: "É o futuro"

Postagem feita em sua página no Facebook foi feita após críticas da cantora, que apoia o uso da erva

Patrícia Marx desabafa e defende a liberação da maconha: "É o futuro" Instagram / Reprodução/Reprodução
Foto: Instagram / Reprodução / Reprodução

Patricia Marx, 42 anos, que ficou famosa na sua época de Trem da Alegria, na década de 1980, continua dando o que falar. A cantora defendeu o uso da maconha em seu perfil no Facebook.

Leia outras notícias sobre famosos e entretenimento


É que, há alguns dias, Patrícia compartilhou a entrevista que Betty Faria deu a Pedro Bial, no GNT, na qual ela defende a liberação da erva no Brasil. Mas a cantora recebeu críticas. 

Foi então que ela resolveu se manifestar novamente. A cantora criticou a indústria da carne e disse que "maconha é o futuro":

Leia também:
Patricia Marx revela abusos e agressões que sofreu na época do Trem da Alegria


Depois de virar notícia mais uma vez, Patrícia ainda fez uma transmissão ao vivo em seu perfil para falar, mais uma vez, sobre erva e o meio ambiente.

Patrícia revelou, em julho de 2014, através de postagens nas redes sociais, que é usuária de maconha.



 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros