Saiba por que a ansiedade é a maior inimiga da ereção  - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Falando de sexo09/10/2016 | 20h00Atualizada em 09/10/2016 | 20h00

Saiba por que a ansiedade é a maior inimiga da ereção 

A constante preocupação com a aparência ou habilidade na cama pode fazer a relação sexual ficar estressante

Andrea Alves e Lucia Pesca


Foto: Arte / DG

Eu gostaria de saber se existe algum remédio para ansiedade, pois, antes da hora do sexo, eu fico muito ansioso e tenho dificuldade para ficar ereto. Fico nervoso e começo a transpirar. O que eu faço?

Tomo remédio para ansiedade e percebi que, após o uso, demoro muito para ter ejaculação. 

A ansiedade pode ser a maior inimiga do sexo se não soubermos lidar com ela. A constante preocupação com a aparência ou habilidade na cama pode fazer a relação sexual ficar estressante.

Sexo é mais do que apenas uma resposta física. A excitação está diretamente ligada às emoções. Quando sua mente está muito estressada para se concentrar, seu corpo não consegue ficar animado. Nos homens, um dos efeitos da ansiedade é o fechamento dos canais que levam o sangue ao pênis para manter a ereção. Já as mulheres ficam menos lubrificadas, provocando dor e dificuldade na penetração.

Controle a sua mente

Conversar com o seu parceiro sobre a sua ansiedade pode ajudar a aliviar algumas das suas preocupações. Há muitas maneiras de ser íntimo sem, realmente, ter sexo. Fale algo sensual ao seu parceiro ou tomem um banho quente juntos antes de começar. Se revezem nos carinhos para agradar um ao outro, com a masturbação. 

Distrair-se é outra boa alternativa. Tente colocar uma música excitante ou um filme sexy enquanto você faz amor. Desloque o seu pensamento para fora do seu desempenho sexual. Isso pode remover as preocupações que estão impedindo você de ficar animado. Por fim, vá com calma com você mesmo, seja paciente. E procure ajuda de um terapeuta sexual para recuperar a qualidade das suas relações.

Leia outras colunas do Falando de Sexo

Dúvidas e sugestões, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br  


 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros