Como driblar o ciúme e as chatices do relacionamento à distância  - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Falando de Sexo 15/11/2016 | 10h07Atualizada em 15/11/2016 | 10h09

Como driblar o ciúme e as chatices do relacionamento à distância 

Se seu amor está longe, pode ficar chateado sabendo que está tendo tantos bons momentos com outras pessoas. Ou até você pode sentir uma culpa. 

Como driblar o ciúme e as chatices do relacionamento à distância  /


Estou passando por uma situação muito complicada. Meu namorado foi chamado por uma empresa, para trabalhar em outro estado.

É uma oportunidade de emprego muito boa, em que ele tem a chance de crescer.Acho que a decisão é dele e sinto que quer muito ir, mas não sei como vai ficar nosso namoro. Se morando aqui, já não gosta quando saio com as minhas amigas, imagina estando longe!

Ele diz que tem medo de que eu transe com outro. Como fica uma relação à distância?


Realmente, amiga, é bem difícil, mas não impossível. Um grande inimigo de relacionamentos à distância é o ciúme.

Se o seu namorado está longe, ele pode ficar chateado sabendo que está tendo tantos bons momentos com outras pessoas. Ou até você pode se sentir culpada por estar se divertindo sem ele, o que também não é legal para a relação.

Mas, se o seu namorado está tentando controlar seus passos, ou mantê-la longe dos amigos, isto é um problema! A vida social em relacionamentos à distância pode gerar alguns sentimentos ruins nas duas partes.

Uma boa forma de minimizar isso é fazer seu parceiro se sentir parte da sua vida. Uma ideia é ver um horário para falar com ele que não exija sacrifícios de nenhuma das partes.

Sem pirar

Às vezes, combinar de ligar para o namorado todas as noites pode gerar muita pressão e expectativa. Uma boa opção é entrar em contato se comunicando com frequência, mas não por horas seguidas.

E-mails também funcionam bem. Por outro lado, os velhos meios de comunicação, como as cartas e os cartões, podem ser uma ótima forma de manter a relação ainda com aquele clima romântico. 

Leia outras colunas do Falando de Sexo

Se você tiver dúvidas ou sugestões, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br 

 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros