Guri de Uruguaiana: "Está chegando o Natal, e eu nem terminei de pagar os presentes do ano passado" - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Só se fala noutra coisa19/11/2016 | 08h09Atualizada em 21/11/2016 | 09h18

Guri de Uruguaiana: "Está chegando o Natal, e eu nem terminei de pagar os presentes do ano passado"


Foto: Divulgação / Divulgação

Pitaco

Buenas! Está chegando o Natal de novo, e eu nem terminei de pagar os presentes do ano passado. É uma data buenacha, na qual o vivente trabalha o mês todo, junta uma grana e, quando vai entregar o presente, dizem que foi o Papai Noel quem deu. Que palhaçada!

Quando eu era piá, lá em Uruguaiana, o meu Natal era muito pobre. Minha mãe me dava um presente e já avisava: "Vale pelo Natal, aniversário, Dia Das Crianças, Páscoa, Dia da Árvore, Dia do Índio¿".

A gente era tão pobre que esperava passar o Natal pra poder comprar panetone na liquidação. O pior dessa época é que, quanto mais velho tu fica, menos presentes ganha. Eu já sei o que vou ganhar nesse ano: peso!

Até mandei uma cartinha que dizia assim: "Querido Papai Noel, neste ano, não precisa me trazer nada. Se levar embora minha sogra pra morar contigo lá no Polo Norte, já está ótimo!"

Causos da fronteira

O vivente estava a caminho do Alegrete, com o carro caindo aos pedaços. O guarda de trânsito mandou parar o veículo no acostamento:

— Bom dia!

— Bom dia, senhor guarda.

— Onde está o teu retrovisor esquerdo?

— Bah! Desculpe, tá quebrado.

— E tua lanterna traseira

— Ah, essa parou de funcionar ontem, moço!

— Me dê, então, o documento do carro...

— Não posso, tchê, me roubaram a pasta com todos os documentos.

O guarda ficou com pena da situação do condutor e disse:

— Quer saber, tu já tá muito ferrado, vou te deixar ir embora sem multas dessa vez.

— Obrigado, seu guarda. Só preciso de uma ajuda¿

— Eu já disse que tu pode ir. Que ajuda mais tu quer?

— O senhor podia dar uma empurradinha pra ver se o carro pega no tranco?

Pode invadir lá em casa, Carol! Foto: Reprodução / Reprodução

Guri na Grande Área

Chê, após a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que tirou o mando de campo do Grêmio no jogo de volta da final da Copa do Brasil, por conta da "invasão" da filha do técnico Renato Portaluppi, as redes sociais também foram invadidas por piadinhas sobre o assunto.

Teve vivente dizendo que o STJD puniu o Grêmio por inveja do número de likes que a Carol Portaluppi tem no Instagram. Outros afirmaram que a invasão da Carol colocou em risco a saúde do coração de viventes que se apaixonam fácil. Teve ainda quem se declarou, falando que a guria podia invadir o seu coração, sem medo de ser punida!

Mas, depois de tanto reboliço, o tribunal voltou atrás na decisão, liberando a Arena para sediar a grande final com um simples "puxão de orelha" e uma pequena multa de R$ 30 mil.

Enfim, as famílias poderão voltar ao estádio sem o risco de uma perigosa invasão de Carol Portaluppi! Que barbaridade!

DVD novinho, saindo do forno Foto: Reprodução / Reprodução

Agenda do guri

Chê! Neste sábado, eu farei um grande show na cidade de Itaqui e, no domingo, em Quaraí!

Na próxima quinta-feira, dia 24, acontece a estreia do meu show de Natal, no Palácio dos Festivais, em Gramado, na serra gaúcha. Um baita espetáculo com bailarinos, coral infantil, camerata, presépio vivo e o próprio Papai Noel!

Vai permanecer em cartaz até o dia 29 de dezembro, sempre às quintas-feiras. Não tem desculpa para perder essa!E só quem for no show vai ter o privilégio de comprar, em primeira mão, o novíssimo DVD O Natal do Guri de Uruguaiana.

Tirinha

Foto: Reprodução / Reprodução


 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros