Magali Moraes fala do movimento que está ajudando mulheres a aceitarem a celulite - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Coluna da Maga11/11/2016 | 10h10Atualizada em 11/11/2016 | 10h10

Magali Moraes fala do movimento que está ajudando mulheres a aceitarem a celulite

Magali Moraes fala do movimento que está ajudando mulheres a aceitarem a celulite Miguel Neves/Divulgação
Foto: Miguel Neves / Divulgação

Eu poderia dar nomes pras minhas celulites, de tão velhas conhecidas que somos. A Sandrinha na parte interna da coxa. A Judite no glúteo esquerdo. Mas desconfio que faltariam nomes. Culpo a genética? A preguiça de fazer atividade aeróbica? Já tive uma fase de corredora e elas persistiram. É certo que minhas escolhas alimentícias ajudaram a agravar a situação. Peraí. Com tanta coisa mais importante no mundo, eu gastaria meu precioso tempo preocupadíssima com isso?

O fato é que aprendi desde cedo a conviver com a celulite. Sou mulher, existe um tsunami de hormônios dentro de mim e tudo conspira a favor (dela, no caso). Magras têm celulite, homens também. É raro mulher não reclamar disso. A novidade é que algumas estão assumindo suas peles à la casca de laranja e encorajando todas nós a abraçar nossas imperfeições. Se a gente "sentou na brita", como diz aquela piada infame, o problema é nosso. Vida que segue. 

Leia outras colunas da Maga

Sorriam, celulites

Uma americana criou um movimento na internet que incentiva as mulheres a postarem fotos das suas celulites. É só usar a hashtag que une e empodera: #celluliteSaturday (sábado de celulite). Várias revistas femininas estão apoiando e divulgando. Sorriam, celulites! Sem filtro, sem retoques, sem coitadismo. E por que o sábado? Vai ver Kenzie Brenna escolheu o dia que é sinônimo de alegria pra reforçar o recado. "Mulherada, é sábado!! Vamos ser mais tolerantes e menos inseguras com nosso corpo! Ter celulite é normal!"

O que eu acho disso tudo? Sucesso!! Não é a celulite que vai nos derrubar. Modelos plus size (ou gordinhas) ganham cada vez mais espaço na mídia. A passos de tartaruga, mulheres maduras (tipo eu) começam a ser menos invisíveis pro mercado da beleza. Rugas e atitude, que combinação charmosa! A moda também decidiu olhar pra turma da terceira idade. Finalmente! Antes tarde do que mais tarde ainda. Aceitação é a tendência do momento.


 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros