Descubra qual é a faixa etária feminina que mais se satisfaz com a masturbação - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo14/03/2017 | 20h00Atualizada em 14/03/2017 | 20h00

Descubra qual é a faixa etária feminina que mais se satisfaz com a masturbação

A masturbação feminina costuma receber o pior tratamento possível, se comparada à prática masculina

Descubra qual é a faixa etária feminina que mais se satisfaz com a masturbação Arte ZH/
Foto: Arte ZH

Sinto até vergonha de escrever, mas eu tenho 26 anos e nunca me masturbei. É que sou do Interior, de família de agricultor, muito católica, e a minha mãe dizia que era pecado, coisa de homem.

Mas, aí, vim estudar e trabalhar em Porto Alegre e vi que não é bem assim, que aquilo era ignorância da minha mãe. Mesmo sabendo que não é coisa de homem, eu não sei se posso, se é certo se masturbar.

Tem idade para isso? Estou cheia de dúvidas a respeito deste assunto.

Cara amiga, a masturbação é uma forma de a pessoa conhecer seu corpo e seu  prazer. Não tem idade para isto. A masturbação feminina costuma receber o pior tratamento possível, se comparada à prática masculina. É comum que seja cercada de vergonha, vista como um fato a ser ignorado, ou tratada como algo, simplesmente, inexistente.

Leia outras colunas do Falando de Sexo


Solte as amarras
Para evitar que este tipo de visão limitada continue afetando o desenvolvimento de crianças e adolescentes do sexo feminino e a satisfação sexual de mulheres, foi realizada uma pesquisa por um grupo de educadores e cientistas. Constatou-se que 45% das mulheres começam a se masturbar entre dez e 14 anos.

A faixa etária que elas mais se masturbam fica em torno de 25 e 29 anos - 46% se masturbam menos do que uma vez ao mês, e 20% fazem isto antes de dormir para ter um sono melhor. O grupo que tem mais satisfação com a masturbação são mulheres entre 47 e 56 anos.

Então, amiga, como pode ver, a masturbação é considerada saudável. Aliás, sempre dizemos que se masturbar é fazer amor consigo mesmo.

Se você tem dúvidas ou sugestões, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros