Nanda Costa revela como fez as pazes com o espelho: "Com a nova dieta, fiquei mais disposta" - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Boa Forma18/07/2017 | 18h13Atualizada em 18/07/2017 | 18h14

Nanda Costa revela como fez as pazes com o espelho: "Com a nova dieta, fiquei mais disposta"

Atriz que interpreta a Sandra Helena na novela das sete conta que chegou a sofrer bullying na escola


Foto: Fernando Louza / Revista Boa Forma

Em sua turma de colégio, Nanda Costa, a Sandra Helena de Pega Pega, era o alvo típico das piadinhas. Baixinha, cheinha e dentuça, a atriz ganhou o apelido de Mônica – a personagem fofucha dos quadrinhos de Mauricio de Sousa. E a situação ficou ainda pior quando a sua mãe abriu uma lanchonete, como ela conta para a revista Boa Forma de julho:

Leia outras notícias sobre famosos e entretenimento


– De repente, podia comer batata frita e hambúrguer a hora que quisesse. Fiquei sem limites! 

Transformação
Aos 18 anos, a atriz resolveu que era hora de mudar e encarou dietas com restrições calóricas severas. Nanda se lembra bem da luta contra a balança.

– Perdi as contas de quantas vezes fiquei uma semana inteira só comendo ovo, carne e queijo. Aí, sentia uma vontade enorme de pão, me jogava nele e engordava até mais do que tinha perdido – recorda.

Foto: Fernando Louza / Revista Boa Forma


Seus hábitos mudaram há três anos, quando foi escalada para interpretar Tuane na novela Império (2014). Nanda começou a praticar um método que alia pilates, levantamento de peso e kettlebell (aparelho para exercícios musculares).

Foi quando mudou o seu corpo em um mês. Depois de fazer as pazes com os exercícios físicos, ainda precisava mudar a alimentação. Por indicação, encontrou um médico que descobriu que ela tinha intolerância à lactose e algumas deficiências metabólicas. 

A atriz riscou, então, do seu cardápio derivados do leite, carne vermelha, pipoca e frutos do mar.

– Menos de um mês depois, vi a diferença. Eu comia e me sentia estufada. Com a nova dieta, fiquei mais disposta, comecei a dormir melhor e não tive mais crises de sinusite – explica à publicação.


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros