Guri de Uruguaiana fala sobre recuo do mar: "Não tinha visto ressaca tão grande desde que tomei um trago de catuaba" - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Só se fala noutra coisa...19/08/2017 | 08h00Atualizada em 19/08/2017 | 08h00

Guri de Uruguaiana fala sobre recuo do mar: "Não tinha visto ressaca tão grande desde que tomei um trago de catuaba"

Guri de Uruguaiana fala sobre recuo do mar: "Não tinha visto ressaca tão grande desde que tomei um trago de catuaba" Divulgação / Artebiz/Artebiz
Te prepara pro TCHÊsunami Foto: Divulgação / Artebiz / Artebiz

Pitaco

Buenas! Nesta semana, o vento forte fez o mar recuar uma barbaridade no nosso litoral, em toda a faixa que antigamente compreendia a Grande Cidreira. Pois olha, chê, eu não tinha visto uma ressaca tão grande assim desde que tomei um trago de catuaba na minha juventude! 

Leia outras colunas do Guri de Uruguaiana

Pra quem não sabe, a Grande Cidreira compreendia uma imensa faixa de areia que começava ali em Bombinhas e terminava só lá em Punta del Este. É verdade! Ela englobava várias outras praias como Mostardas, Ketchups e outros condimentos litorâneos. Pois uma das praias que compunha esta região é, justamente, a praia de Osório. 

Eu lembro a primeira vez em que passei por lá e vi aqueles 75 ventiladores ao redor do município. Cada um com 140 metros de altura! Eu pensei: "Mas que gente calorenta!".

Grande levante

Durante os anos dourados da Grande Cidreira, começaram surgir emancipações aqui e ali. Os primeiros a tentarem se emancipar, é claro, foram os castelhanos lá de Punta del Este. Historicamente, essa contenda ficou conhecida como O Grande Levante dos Filhos da Punta. 

Os meteorologistas alertam que, após esta ressacada toda, podemos avistar o fenômeno de ondas gigantes em pleno litoral gaúcho! Tu deves estar pensando nas tais tsunamis... Pois saiba, amigo, que essa onda pode ser infinitas vezes pior. Isso porque só existe uma onda mais destrutiva e mais assustadora que uma tsunami... Uma TCHÊsunami! Que barbaridade!

Quadro com ET é muita falta de opção Foto: Divulgação / Artebiz

Bombou na Rede 

Chê! Nos últimos dias, bombou na rede o fim do estranho causo do sumiço do Menino do Acre. Depois de quatro meses e meio desaparecido, ele finalmente voltou pra casa dos pais. Antes de sumir, o estudante de psicologia havia espalhado inscrições enigmáticas pelas paredes do próprio quarto, o que gerou um grande mistério em torno do seu desaparecimento! Além disso, o piá pendurou um quadro na parede em que aparecia ao lado de um ET. Que falta de opção! 

Leia outras colunas do Guri de Uruguaiana

Quando todos já acreditavam que ele realmente havia sido abduzido por alienígenas, ele reapareceu, na maior cara de pau! Agora todo mundo quer saber onde ele esteve todo esse tempo? Minha teoria é que ele estava botando em dia as séries no Netflix! Que barbaridade! 

Causos da Fronteira

A patroa pro marido, mais nervosa que cusco em canoa.

— Onde tu estás, Juvenal, que não apareceu em casa até agora, seu vagabundo?

— Oi, amor, desculpa não te ligar antes¿

— Diz logo onde tu estás até essa hora, seu irresponsável!

— Sabe aquela joalheria que a gente passou esses dias e vimos aquele anel de ouro que tu gostou?

— Lembro sim, amorzinho da minha vida! 

— Pois então. Tô no bar do lado, assistindo ao Jogo!


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Veja também

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros