Cobrador de ônibus, DJ do CN Boys e ativista social: conheça o DJ Luka - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Estrelas da Periferia17/10/2017 | 07h00Atualizada em 17/10/2017 | 07h00

Cobrador de ônibus, DJ do CN Boys e ativista social: conheça o DJ Luka

Artista, morador da Vila Jardim, começou cedo no mundo artístico, já integrou grupos da Capital e hoje, além de ser cobrador, é DJ do grupo, tem um projeto solo e ainda promove eventos comunitários.

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 08/10/2017: DJ Luka, da Vila Jardim, no Estrelas da Periferia. (Foto: Isadora Neumann/Agência RBS)
DJ Luka: se vira nos 30Foto: Isadora Neumann / Agência RBS

Em uma época em que seu bairro de origem, a Vila Jardim, na Zona Leste da Capital, sofre com a violência, Márcio Ricardo Lucas, o DJ Luka, dá um exemplo de como é possível se virar nos 30 para levar a música adiante e melhorar a vida de outras pessoas. Ele trabalha como cobrador de ônibus, é DJ no grupo CN Boys e promove eventos voltados para a comunidade. 

Mas, até chegar nesse ponto, Luka, 45 anos, já percorreu uma boa estrada. Ainda na adolescência, aos 14 anos, reunia outros jovens, na garagem de um amigo, para festas com muito hip hop. 

— Nessa época, conheci o Mário Pezão (uma das referências do gênero no Estado). Começamos a divulgar nossas festas por meio da panfletagem mesmo — relembra. 

Anos 1990

 Depois, o artista integrou grupos como o Dependentes do Rap, nos anos 1990. Esta experiência tornou possível a participação dele em eventos do gênero, o ajudou a ganhar destaque no cenário local e a abrir shows para nomes de expressão, como Racionais MC’s e Thaíde. 

Nova fase

Depois de sair do grupo, Luka emplacou sua carreira como DJ e virou nome conhecido no meio, na Capital. Recentemente, ele lançou a mixtape (disco que tem uma compilação de trechos de várias músicas, ao estilo do que os DJs fazem nos bailes de soul e de funk) Mais Amor. Em 2010, viveu um dos grandes momentos de sua carreira, ao entrar no grupo CN Boys, referência do rap no Estado. 

Mesmo com toda essa estrada, atualmente, a rotina de Luka é pegada. Das 5h até por volta das 15h, ele é cobrador de ônibus. A profissão já lhe rendeu boas histórias, pelo fato de muitos passageiros saberem que ele é artista.

— Como os ônibus circulam sempre perto das vilas, os caras me conhecem. E a gente também sabe quando eles vão assaltar, né? Uma vez, entraram no ônibus que eu estava trabalhando e me viram. Um deles falou: "Mano, o cobrador faz hip hop, conheço ele, vamos embora"— relembra Luka.

Público diverso

E ainda não acabou: Luka criou, há cinco anos, com os parceiros Lu, DJ Rato e Byleleco, o projeto Groove Chic. Eles reúnem, mensalmente, DJs e artistas do hip hop, do charm e da black music na Vila Jardim. O próximo evento rola no dia 12 de novembro.

— Sempre fiz eventos sociais aqui, no meu bairro, e a Vila Jardim sentia falta desse tipo de ação, sem fins lucrativos, para trazer diversão para a gurizada. E vem tudo que é público, sabe? Pais e mães com filhos e até idosos — comemora o guerreiro, com mais de 30 anos de estrada. 

Pitaco

Rafa, do grupo Rafuagi, fala sobre o som de DJ Luka:

 ESTEIO, RS, BRASIL - 17/02/2017 : Rafa, grupo Rafuagi, apresenta a futura Casa de Cultura Hip Hop, em Esteio. (FOTO: BRUNO ALENCASTRO/AGÊNCIA RBS, Editoria Segundo Caderno)Indexador: Bruno Alencastro
Rafa (à frente) aprovou o som de LukaFoto: Bruno Alencastro / Agencia RBS

— Ele é uma grande referência da cultura hip hop no Rio Grande do Sul. Analisando os remixes que ouvi, percebi que ele está atento ao novos sons que apareceram no gênero, mas conseguiu manter a essência dos anos 80 e 90. Destaco, ainda, que o artista faz algumas misturas legais de soul e funk. 

— Para participar da seção, mande um pequeno histórico da sua banda, dupla ou do seu trabalho solo, músicas e vídeos e um telefone de contato para o e-mail jose.barros@diariogaucho.com.br.

— Para falar com o DJ Luka, ligue para 98415-1076.






 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Veja também

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros