Terapia pode ajudar casais em crise - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Falando de Sexo29/10/2017 | 20h00Atualizada em 29/10/2017 | 20h00

Terapia pode ajudar casais em crise

Encontrar um bom profissional é o primeiro passo

Terapia pode ajudar casais em crise Arte ZH/
Foto: Arte ZH

Gurias do Diário, sempre leio o que vocês escrevem. Eu e meu namorado estamos com um problema sexual que diminuiu a nossa vontade de fazer sexo. Mas a gente se gosta muito. Lemos que a terapia sexual pode ajudar. Vocês são terapeutas sexuais? Como saber a pessoa certa para procurar?

Querida leitora, nós é que agradecemos a confiança de vocês. Sim, nós somos psicólogas com especialização em terapia sexual e de casal. Atendemos tanto as pessoas individualmente como os casais. 

Falando da falta de desejo, esta é uma das razões mais comuns para alguém decidir procurar a terapia sexual. Mas não é a única e nem a mais frequente. 

O terapeuta sexual, em uma primeira avaliação, poderá entender se a causa dos problemas relatados por um paciente é emocional ou física. Além disso, se for preciso, o profissional poderá encaminhar vocês para exames ou para uma consulta com outro especialista.

Leia outras colunas do Falando de Sexo

Qual escolher?

Há uma série de maneiras para encontrar um bom terapeuta sexual. Primeiro, procure se informar sobre a ética profissional do terapeuta com o seu médico ou com pessoas conhecidas. Outra forma de saber mais sobre ele é acompanhar artigos ou textos que o profissional escreve. Alguns deles falam sobre o assunto sem fazer promessas de cura da noite para o dia. Cuidado com os que fazem justamente o contrário: prometem milagres.

Se você achar melhor e quiser privacidade, vá na internet e digite "terapeuta sexual ou sexólogo" para encontrar nomes. A partir disso, faça suas pesquisas antes de escolher. 

Não deixem de tentar resolver a situação!

Se você tem dúvidas ou sugestões de assunto, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Veja também

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros