Não deixe a vergonha do próprio corpo atrapalhar a intimidade - Entretenimento - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Falando de Sexo04/12/2017 | 20h00Atualizada em 04/12/2017 | 20h00

Não deixe a vergonha do próprio corpo atrapalhar a intimidade

Não deixe a vergonha do próprio corpo atrapalhar a intimidade Arte ZH/
Foto: Arte ZH
Andrea Alves e Lucia Pesca

Gurias, eu tenho vergonha do meu corpo. Me acho gorda e cheia de estrias. Meu noivo diz que gosta de mim do jeito que eu sou. Mas não me vejo assim, e acho que ele fala só para me agradar. Me ajudem!

Querida leitora, a melhor coisa que você pode começar a fazer é aprender a se amar como seu noivo a ama. Depois, que tal aperfeiçoar este amor? 

Leia outras colunas do Falando de Sexo

Será que, para acreditar que é amada, você deveria ser perfeita? E afinal, o que é ser perfeita para você? É ser magra, sem nenhuma barriguinha? Pare com isso. 

A beleza da mulher não está em ser magra, ou em ter uma pele lisinha. Está, sim, no conjunto: suas atitudes, seu afeto e o seu “ser mulher”.

O mais importante é que seu noivo a ama do jeito que você é e não precisa do padrão de beleza que a sociedade impõe para cultivar este amor. 

Confiança
Infelizmente, muitas mulheres passam pelas mesmas situações e pelos mesmos conflitos que você enfrenta nesta fase da sua vida. Agora, você já se perguntou o que os homens pensam? 

Para eles, o mais importante entre quatro paredes é o que se passa dentro da cabeça de sua mulher, e não com suas medidas. 

E ainda: sensualidade, para eles, é uma mulher que, independentemente de sua estética, demonstre ter confiança no taco dela.

Se você tem dúvidas ou sugestões de assunto, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Veja também

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros