Você escolheu: confira os melhores da TV em 2017! - Entretenimento

Versão mobile

 

Você escolheu09/12/2017 | 12h00Atualizada em 09/12/2017 | 12h00

Você escolheu: confira os melhores da TV em 2017!

Conheça os vencedores, relembre os motivos que levaram cada um a se destacar durante o ano e confira alguns recadinhos especiais que os consagrados enviaram para o público do DG

Você escolheu: confira os melhores da TV em 2017! TV Globo / Divulgação/Divulgação
Foto: TV Globo / Divulgação / Divulgação

Em um ano repleto de boas atrações e atuações memoráveis na telinha, não foi fácil eleger apenas um em cada categoria na votação dos Melhores da TV realizada pelo Diário Gaúcho. Sucesso de público e crítica, A Força do Querer teve cinco ganhadores, além de ter sido a escolhida a melhor novela de 2017. Conheça todos os campeões:

APRESENTADOR
Alice Bastos Neves - 51,5% 

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 09-11-2017: A apresentadora Alice Bastos Neves, do Globo Esporte, em matéria sobre a audiência feminina. Fotos para a coluna Sinal Aberto de Flávia Requião (FOTO FÉLIX ZUCCO/AGÊNCIA RBS, Editoria de Variedades).
Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Simpatia e carisma com sotaque daqui. Alice Bastos Neves dominou a votação e deixou para trás dois concorrentes globais de peso: Fernanda Gentil e Otaviano Costa. 

À frente do Globo Esporte, essa pelotense de 33 anos mostra desenvoltura e paixão ao falar de várias modalidades, principalmente de futebol, assunto que domina a preferência de gremistas e colorados por aqui. Desde 2015, Alice exerce seu mais importante papel, o de mamãe do pequeno Martin. 

Novo desafio

A musa do esporte gaúcho está em Dubai, nos Emirados Árabes, onde é a única mulher na equipe da RBS que acompanha o Grêmio no Mundial de Clubes. 

E foi na véspera da viagem que Alice mandou um agradecimento especial a quem votou nela:

— Quero agradecer muito o carinho dos leitores do Diário Gaúcho. O meu trabalho todos os dias no Globo Esporte é para ser o mais próxima possível das pessoas e, com um reconhecimento desses, é sinal de que essa proximidade está sendo eficaz. A vontade é poder abraçar cada um, dar um beijo, conversar um pouquinho, trocar uma ideia, que é o que, de certa maneira, a gente faz através da câmera. Fico realmente muito feliz e honrada, com o ânimo renovado pra começar 2018 fazendo um trabalho ainda melhor, pra deixar as pessoas ainda mais felizes e satisfeitas. Um beijo bem grande a todos e obrigada!

Fernanda Gentil - 27,5%
Otaviano Costa - 21%


ATRIZ
Juliana Paes (Bibi, de A Força do Querer) - 50,1%

a força do querer, reta final, bibi perigosa, juliana paes
Foto: TV Globo / Divulgação

Depois de tantos papéis desafiadores e marcantes, parecia que nada mais faltava na carreira de Juliana Paes. Eis que este ano conhecemos Bibi, a Perigosa mais amada do Brasil. Difícil dar vida, na ficção, a uma personagem real, com toda a carga de responsabilidade envolvida. Afinal, a verdadeira Bibi, Fabiana Escobar, estava do outro lado da tela, acompanhando sua própria história ser contada. 

Arrasadora

Juliana se entregou de corpo, alma e muitas lágrimas à história de Bibi. A mulher que queria "ser amada grande" dividiu opiniões, foi odiada por muitos devido a suas atitudes extremas, mas rolou também uma certa identificação com tantas mulheres que, na vida real, fizeram loucuras por amor. Bibi foi do céu ao inferno durante os meses em que a novela esteve no ar, mas o carisma da atriz fez com que sua personagem tivesse um merecido e aplaudido final feliz. Ju incendiou o horário nobre, literalmente.

Paolla Oliveira (Jeiza, de A Força do Querer) - 29,6%
Letícia Colin (Leopoldina, de Novo Mundo) - 20,4%


ATOR
Emílio Dantas (Rubinho, de A Força do Querer) - 48,7%

Rubinho ( Emílio Dantas ) , de A Força do Querer
Foto: Maurício Fidalgo / TV Globo/Divulgação

Emílio Dantas fez sua estreia em 2015, como o vilão Pedro, de Além do Tempo. Dali para o horário nobre, foi um pulo, mas um grande salto na carreira do ator. Não é exagero dizer que Rubinho foi o grande personagem masculino de A Força do Querer. Em uma novela dominada pelas mulheres, o homem romântico e gentil que se revelou um bandidão da pior espécie foi crescendo à medida que seu envolvimento com o tráfico ganhava força. Emílio brilhou, surpreendeu e assustou o público com tantas atitudes violentas de seu personagem. 

Agenda cheia

Não à toa, já está escalado para mais um grande papel: será o protagonista de De Volta para Casa, trama que João Emanuel Carneiro escreve para o ano que vem. Desta vez, ao que parece, será um mocinho de verdade, já que na pele de Rubinho, enganou muita gente com sua lábia de bom moço.

Em meio às gravações do filme O Paciente, no qual interpreta o ex-governador Antônio Britto, Emílio arrumou um tempinho para mandar um recado especial aos leitores do DG:

— Leitores e equipe do Diário Gaúcho, muito obrigado pelo reconhecimento! É muito importante e gratificante sentir que o trabalho que a gente pensou, estudou, batalhou e realizou, deu certo. Guardarei esse momento com muito carinho. Um beijo pra vocês!

Julio Andrade (Evandro, de Sob Pressão) - 33,7%
Daniel de Oliveira (Vitor, de Os Dias Eram Assim) - 17,5%


REVELAÇÃO
Carol Duarte (Ivan/Ivana, de A Força do Querer) - 47% 

a força do querer Ivan ( Carol Duarte )
Foto: Estevam Avellar / TV Globo/Divulgação

Ela encarou o desafio de viver, logo em sua primeira novela, um dos personagens mais complexos da história da TV brasileira. Carol Duarte começou em A Força do Querer como Ivana, uma jovem cheia de conflitos com o próprio corpo, que se sentia deslocada dentro de si mesma. Aos poucos, descobriu ser transgênero e começou a transformação, para chegar ao último capítulo como Ivan, um rapaz feliz e livre dos dilemas que o atormentaram durante toda a vida. 

Desafio

Carol teve, em sua estreia na telinha, a difícil missão de ser aceita pelo público, já que boa parte desconhecia o complexo universo dos transexuais. Ivana, e depois Ivan, não só foi aceito como terminou a trama amado e exaltado pelos telespectadores. Carol Duarte emocionou e merece com louvor todos os prêmios de revelação deste ano.

Silvero Pereira (Nonato, de A Força do Querer) - 38,7%
Vitória Strada (Maria Vitória, de Tempo de Amar) - 14,3%


COADJUVANTE
Elizângela (Aurora, de A Força do Querer) - 47,6%

a força do querer, aurora, elizângela, coluna noveleiros
Foto: TV Globo / Divulgação

Com mais de 50 anos de carreira, Elizângela ainda tem o dom de se reinventar e roubar a cena. Em A Força do Querer, o público chorou junto com dona Aurora, a sofredora mãe de Bibi. Firme quando era preciso, mas sempre ao lado da filha nos piores momentos, a personagem foi um dos grandes destaques de uma trama repleta de acertos. A sintonia com Juliana Paes foi fundamental para construir a relação de mãe e filha que transbordava verdade pela TV.

"Gratidão"

Em conversa com o Diário Gaúcho, Elizângela se mostrou emocionada por ter sido a escolhida do público:

— É uma honra, eu fico muito grata. Imensa gratidão a esse povo gaúcho, que sempre me tratou com tanto carinho e respeito. Fiquei muito feliz. Que Deus abençoe a todos nós.

Julia Dalavia (Nanda, de Os Dias Eram Assim) - 27,2%
Ingrid Guimarães (Elvira, de Novo Mundo) - 25,2%


DESTAQUE MIRIM
João Bravo (Dedé, de A Força do Querer) - 63,2% 

Dedé (João Bravo) em A Força do Querer
Foto: Marília Cabral / Globo

Com apenas 8 aninhos, João Bravo mostrou talento de gente grande em A Força do Querer. Seu personagem, Dedé, chorou, sofreu e emocionou o público de casa. Em meio ao núcleo mais barra pesada da novela, João não se intimidou, mesmo contracenando com gigantes como Juliana Paes, Elizângela e Betty Faria. 

Talento de gente grande

Enquanto Bibi e Rubinho se envolviam cada vez mais no mundo do crime, o menino surpreendia com cenas impactantes. É um ator nato, que já mostra desde cedo ter uma trajetória brilhante pela frente.

O fofíssimo João também mandou um recado para seus fãs:

_ Obrigado a todos os leitores do Diário Gaúcho, fiquei muito feliz com essa notícia. Espero participar de mais trabalhos e poder retribuir todo esse carinho que estou recebendo. Muito obrigado!

Theo de Almeida (Quinzinho, de Novo Mundo) - 25,7%
Letícia Braga (Nanda 1ª fase, de Os Dias Eram Assim) - 11,1%


PROGRAMA/SÉRIE
Sob Pressão - 36,8%

sob pressão, Evandro ( Julio Andrade ) e Carolina ( Marjorie Estiano )
Foto: Mauricio Fidalgo / TV Globo/Divulgação

Originária do filme de mesmo nome, de 2016, Sob Pressão foi uma das grandes atrações para quem curte um bom seriado, afinal, nem só de novelas vive a teledramaturgia nacional. Os fãs das boas e velhas séries médicas americanas levaram um choque de realidade com a produção brasileira. Mas foi um susto positivo, afinal, a realidade da saúde pública pode e deve ser mostrada sem maquiagem, com todos os dramas e tragédias. 

Fórmula de sucesso

Cenário realista, histórias marcantes e um elenco de primeira foram os ingredientes principais desse sucesso, que deve ganhar uma segunda temporada em 2018. Destaque para as atuações viscerais de Marjorie Estiano e do gaúcho Júlio Andrade, como o casal de cirurgiões Carolina e Evandro.

The Voice Kids - 32,5%
Os Dias Eram Assim - 30,7%


NOVELA
A Força do Querer - 65,7%

Isis Valverde como sereia, a Ritinha de A Força do Querer.
Foto: Instagram / Reprodução

A realidade do tráfico de drogas nas favelas cariocas se misturava à magia de uma jovem que dizia ser uma sereia e "filha do boto". Nas mãos de Gloria Perez, até as mais absurdas situações se tornaram reais para um público apaixonado pela trama, que batia recordes de audiência a cada capítulo. Com um enredo bem construído e cheio de polêmicas, a autora conseguiu elevar o horário a índices há muito não alcançados. 

Assunto do ano

Na internet, a repercussão também foi inigualável, cheia de assuntos referentes à novela entre os mais citados do mundo nas redes sociais. A Força do Querer foi um novelão de tirar o fôlego e fez história na TV brasileira.

Novo Mundo - 20,8%
Rock Story - 13,5%



 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 

Veja também

 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros