VÍDEO: Luana Piovani denuncia possíveis articulações contra a ministra Cármen Lúcia - Entretenimento

Versão mobile

 

Indignada22/03/2018 | 07h36Atualizada em 22/03/2018 | 07h52

VÍDEO: Luana Piovani denuncia possíveis articulações contra a ministra Cármen Lúcia

Atriz declarou que o Brasil precisa acordar

VÍDEO: Luana Piovani denuncia possíveis articulações contra a ministra Cármen Lúcia AgNews/AgNews
Luana Piovani Foto: AgNews / AgNews
GaúchaZH
GaúchaZH

 A atriz Luana Piovani, 41 anos, publicou na última terça-feira (20) um vídeo em suas redes sociais defendendo a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia.

– A corja, essa política podre do Brasil, está se organizando, se reunindo, para colocar em votação a prisão após segunda instância. Eles vão fazer isso com a ministra Cármen Lúcia, eles vão colocar essa votação goela abaixo porque eles estão desesperados – denunciou a atriz.

Para Luana, a condenação do ex-presidente Lula (PT) em 2ª instância pode não acontecer, logo, as articulações do atual governo Temer também receberiam o apoio do PT .

– Eles (políticos) precisam fazer com que isso acabe antes (...) Porque então o Aécio (senador Aécio Neves, do PSDB-MG) vai ser solto, o Temer não vai ser preso, o Lula também não vai ser preso. Ninguém mais vai ser preso – bradou.

Ainda no vídeo, a atriz aconselhou a população brasileira a acordar e ir para rua, realizando manifestações iguais as que levaram ao impeachment do ex-presidente Fernando Collor de Mello, em 1992. 

– A gente precisa fazer alguma coisa, eles não podem lidar com o Brasil como se fosse o quintal da casa deles – diz no vídeo.

Assista ao vídeo:


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 

Veja também

 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros