Pornografia demais atrapalha? - Entretenimento

Versão mobile

 

Falando de Sexo22/04/2018 | 20h00Atualizada em 22/04/2018 | 20h00

Pornografia demais atrapalha?

Pornografia demais atrapalha? Arte ZH/
Foto: Arte ZH
Andrea Alves e Lucia Pesca

Olá, boa tarde. Estou casada há 11 anos, e meu marido não me procura na cama. Ele se satisfaz sozinho, vendo filmes pornôs. Às vezes, do meu lado! Eu finjo que estou dormindo, mas percebo que ele esta se masturbando enquanto vê vídeos eróticos. Me sinto totalmente desprezada! Estou cansada de viver assim, por favor, me ajudem!

Pois é, amiga, o uso frequente de material pornográfico pode, sim, causar o afastamento do casal. O ponto extremo é quando o homem fica mais interessado em “namorar” o filme pornô do que em transar com a sua parceira. 

Leia outras colunas do Falando de Sexo

No geral, homens que assistem a filmes picantes eventualmente usam a pornografia como um momento de apimentar a relação – e não há problema nenhum nisso. Pelo contrário, se usado com moderação, o artifício do filme pornô pode ser até benéfico para o casal.

Hábito

Geralmente, os homens procuram um vídeo deste tipo quando a parceira está longe, quando estão sob estresse ou para ver algo especifico que não acontece na rotina de relações sexuais do casal. Há uma pequena porcentagem de homens (e de mulheres também, não podemos esquecer) que pode se tornar viciada com a intensidade e excitação que o pornô oferece. 

Consequência

Essa necessidade de assistir a vídeos pornográficos pode levar à redução do interesse sexual pela sua parceira. Outra consequência possível é que ele passe a enxergar mulheres como objetos sexuais, não tendo consideração pelos sentimentos e desejos delas.

Se você tem dúvidas ou sugestões de assunto, escreva para falandodesexo@diariogaucho.com.br

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 

Veja também

 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros