Juliana Paes entra na Justiça por indenização após comprar tapete de R$ 27 mil - Entretenimento

Versão mobile

 

BRABA12/06/2018 | 08h16Atualizada em 12/06/2018 | 09h18

Juliana Paes entra na Justiça por indenização após comprar tapete de R$ 27 mil

Ação contra a empresa Spiros será julgada pela 7ª Vara Cível da Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro

Juliana Paes entra na Justiça por indenização após comprar tapete de R$ 27 mil Fábio Bartelt/Anselmi / Divulgação
Juliana Paes Foto: Fábio Bartelt / Anselmi / Divulgação
GaúchaZH
GaúchaZH

Juliana Paes não ficou satisfeita com a empresa Spiros, da qual comprou um tapete. A atriz teve problemas com o produto e decidiu entrar com um processo no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro por danos morais e materiais.

Leia mais
Paolla Oliveira deixa de ir à Sapucaí para evitar Juliana Paes
Bruna Marquezine é dona da foto mais curtida do Carnaval no Instagram
Decepcionada, Juliana Paes faz desabafo após perder prêmio no "Domingão do Faustão"

A ação contra a empresa Spiros será julgada  pela 7ª Vara Cível da Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. De acordo com Juliana, o tapete foi entregue com atraso e veio com cores diferentes das encomendadas, além de apresentar manchas e falta de acabamento.

No processo, a atriz requisita a devolução integral do valor pago pelo produto, R$ 27 mil, e mais R$ 10 mil como indenização por danos morais. 

Juliana Paes ainda não se pronunciou sobre o caso, mas o dono da empresa Spiros disse que tentou um acordo, que não foi para frente. O empresário afirmou que em breve divulgará uma nota a respeito do ocorrido.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 

Veja também

 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros