"The Voice Brasil": Carlinhos Brown bloqueia Michel Teló na quarta noite de "Audição às Cegas" - Entretenimento

Versão mobile

 

Surpresa27/07/2018 | 07h33Atualizada em 27/07/2018 | 07h33

"The Voice Brasil": Carlinhos Brown bloqueia Michel Teló na quarta noite de "Audição às Cegas"

O artifício foi utilizado para impedir que o sertanejo fosse escolhido por Edson Carlos, que cantou Zezé di Camargo e Luciano

"The Voice Brasil": Carlinhos Brown bloqueia Michel Teló na quarta noite de "Audição às Cegas" TV Globo/Divulgação
Edson Carlos foi o candidato que motivou o bloqueio de Michel Teló por Carlinhos Brown Foto: TV Globo / Divulgação
GaúchaZH
GaúchaZH

A terceira noite de Audição às Cegas do The Voice Brasil foi recheada de emoções e ficou marcada pela segunda utilização do botão de bloqueio. O artifício foi usado pela primeira vez na segunda noite do reality, quando Lulu Santos bloqueou Carlinhos Brown. Nesta noite, a vítima foi Michel Teló. O técnico que impediu o sertanejo de ser escolhido foi Brown:

—  Esse botão só tem graça bloquear quando o cara quer muito o candidato — disse Carlinhos Brown.

Edson Carlos subiu no palco cantando Se For Pra Judiar, de Zezé di Camargo e Luciano, e encantou Brown, Teló e Ivete Sangalo. Como o dono do hit Ai Se Eu Te Pego estava impedido de ser escolhido, Edson optou pela rainha do axé. O capixaba revelou que tava desempregado, ao que Ivete respondeu: 

Leia mais
 Sertanejo e samba: conheça os dois gaúchos que passaram de fase no programa
"The Voice Brasil": história de vida de Carlinhos Brown emociona técnicos
"The Voice Brasil": gaúchos conquistam técnicos cantando sertanejo e samba na segunda noite de "Audição às Cegas"

— Bem-vindo, você canta muito, e acho que agora encontramos um serviço muito bom pra você.

O programa começou já emocionante com Damiana Sadili cantando Espelho, de Ludmilla, e tendo duas cadeiras viradas para si somente perto do final da música. A carioca não aguentou a emoção e o nervosismo e chorou assim que terminou a canção, mas Lulu Santos acalmou a voz: 

— O artista passa a vida inteira tentando se convencer de que não está nervoso. 

Apesar das palavras do músico, Damiana escolheu ficar no time de Carlinhos Brown. Em seguida a dupla de sertanejos D'Lucca e Gabriel cantaram Amor da Sua Cama, de Felipe de Araújo, e conquistaram Michel Teló. 

A bossa nova teve vez no palco do The Voice por Raissa Araújo, que cantou Só Tinha de Ser Você, de Tom Jobim, e agradou Lulu Santos. A baiana foi para o time do músico. Na sequência, Gika Bacci entrou com o rock de Creedence Clearwater Revival, Proud Mary, e foi unanimidade entre os técnicos. Lulu virou no começo da música e os outros três, no final, fazendo com que Gika terminasse sua performance com um grito que empolgou a plateia. A paulista escolheu ir para o time de Ivete. 

Em mais uma apresentação emocionante, Letícia Gonçalves cantou Infiel, de Marília Mendonça, e teve duas cadeiras viradas para si - Brown e Teló - somente nos últimos acordes da música. A mineira escolheu o time do sertanejo para continuar na próxima fase do programa. Roberto Küster subiu no palco cantando Shape of You, de Ed Sheeran, e conquistou Carlinhos Brown. Mais uma vez Brown e Teló disputaram uma voz: Renan Covalik cantou K.O, de Pabllo Vittar, e optou seguir no reality com o segundo técnico.

Thailla Lima foi outra que não segurou a emoção ao terminar de cantar Propaganda, de Jorge & Mateus, e ter a cadeira de Lulu Santos virada para si no final da canção. Dimadú entrou cantando Papel Machê, de João Bosco, e ficou no time de Carlinhos Brown. O reality terminou com uma apresentação de Michel Teló.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros