Danton Mello leva a melhor na estreia do "Dança dos Famosos" - Entretenimento

Versão mobile

 

Faustão20/08/2018 | 07h24Atualizada em 20/08/2018 | 07h24

Danton Mello leva a melhor na estreia do "Dança dos Famosos"

Além do ritmo "baladão", o que roubou a cena das coreografias foi a imagem das novas câmeras do programa

Danton Mello leva a melhor na estreia do "Dança dos Famosos" Reprodução/Rede Globo
Danton Mello e Brennda Martins na "Dança dos Famosos" Foto: Reprodução / Rede Globo
Felipe Goldenberg

O palco do Domingão do Faustão pareceu uma discoteca americana dos anos 1970 na noite deste domingo (19): foi a estreia da 15ª edição do quadro Dança dos Famosos, na TV Globo. O time masculino se jogou no ritmo "baladão" e não economizou no swing. Na competição, estavam os globais Sérgio Malheiros, Fiuk, Léo Jaime, Nando Rodrigues, Anderson Tomazini e Danton Mello — o melhor da noite.

Na telinha, porém, quem disputava a atenção do telespectador era a própria imagem da televisão: pela primeira vez, o programa foi transmitido com câmeras que filmavam em 24 quadros por segundo, semelhantes às usadas nas novelas da emissora (o usual é em 30 quadros por segundo). A estranheza foi tanta que Faustão explicou a novidade e mostrou as câmeras nos bastidores entre as apresentações.

— A galera tá achando que o programa é gravado. [...] É o primeiro programa da história do mundo com esse tipo de equipamento. Uma parceria da Globo com a Sony do Japão. É imagem de cinema ao vivo na televisão — afirmou o apresentador, que repetia o horário para não deixar dúvidas de que o programa era transmitido em tempo real.

Quem abriu as apresentações do quadro foi Sérgio Malheiros, acompanhado da professora Natacha Horana. Ao som de I'm Your Boogie Man, do grupo KC And The Sunshine Band, o ator mostrou muita ginga e rebolado; entretanto, o nervosismo atrapalhou um pouco o sincronismo dos passos — e o juri técnico não perdoou.

Fiuk foi o segundo, junto à professora Érica Rodrigues, com We Are Family, sucesso do grupo Sister Sledge. Ele deixou a desejar perto das habilidades da instrutora: Fiuk não conseguia acompanhá-la, com passos duros e pouca naturalidade. O desempenho foi tão fraco que a colega Juliana Paiva até brincou, citando o "jeito Fiuk de dançar".

Energético, alegre e à vontade do início ao fim, Léo Jaime foi um dos destaques da noite. Ao lado da professora Larissa Parison, a apresentação — embalada por Bad Girls, de Donna Summer — foi tão divertida que arrancou elogios do apresentador ao final.

— Pela primeria vez, eu vou dar numa nota nesse programa. Nota 10! Um homem desse tamanho! — enalteceu Faustão, fazendo alusão ao peso do competidor.

A quarta dupla, Nando Rodrigues e Tati Scarletti, entrou no palco com uma coreografia repleta de cambalhotas, levantamentos e piruetas. A música escolhida foi September, do grupo Earth, Wind and Fire, que harmonizou com os passos divertidos e joviais do casal.

Por outro lado, Anderson Tomazini disputou com Fiuk o destaque de pior competidor da noite, tanto que até um dos jurados, Cauã Reymond, zombou, aos risos:

— Eu pensei que o Fiuk tava pior.

O ator tentou alguns passos do ícone Michael Jackson, com Don't Stop 'Til You Get Enough, mas não convenceu. Acompanhado de Juliana Cássio, brincou com a sensualidade para conseguir gritos da plateia, mas a apresentação morna acabou não conquistando os jurados.

Danton Mello foi o último e melhor participante da noite. Ele conseguiu levantar a plateia com Celebration, de Kool & The Gang, e foi aplaudido de pé ao fim da apresentação. Junto à instrutora Brenda Martins, os dois formaram uma dupla pujante e podem ser os mais fortes concorrentes desta temporada.

Na semana que vem, é a vez do time feminino se apresentar no palco. Entre as participantes, estão Dani Calabresa, Bia Arantes, Erika Januza, Mariana Ferrão, Pâmela Tomé e Deborah Evelyn.

As notas:

  • Danton Mello: 57,5
  • Nando Rodrigues: 57,1
  • Léo Jaime: 57,0
  • Sérgio Malheiros: 55,9
  • Anderson Tomazini: 55,4
  • Fiuk: 55,4

Júri artístico:

  • Cauã Reymond
  • Juliana Paiva
  • Artur Xexéo

Júri técnico:

  • Inês Bogéa
  • Anselmo Zolla


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros