"The Voice Brasil": gaúcha canta clássico de Tom Jobim e passa de fase na primeira noite de tira-teima - Entretenimento

Versão mobile

 

RS venceu24/08/2018 | 08h07

"The Voice Brasil": gaúcha canta clássico de Tom Jobim e passa de fase na primeira noite de tira-teima

Rê Adegas disputou contra outras três vozes, mas foi a primeira escolha de Carlinhos Brown

"The Voice Brasil": gaúcha canta clássico de Tom Jobim e passa de fase na primeira noite de tira-teima TV Globo/Reprodução
Rê Adegas cantou "Ligia", de Tom Jobim, e passou para a próxima fase do "The Voice Brasil" Foto: TV Globo / Reprodução
GaúchaZH
GaúchaZH

A primeira noite de tira-teima do The Voice Brasil marcou também a primeira exibição ao vivo do reality. Logo na primeira apresentação, a gaúcha Rê Adegas precisou conquistar e Carlinhos Brown. E conseguiu. A porto-alegrense foi a primeira escolha do técnico entre as três vozes que restavam, depois de cantar Ligia, de Tom Jobim

—  Acho que quando a gente traz Tom Jobim e suas nuances, merece ficar no programa — afirmou Brown, ao escolher Rê. 

Brown colocou em disputa LC Negão, Maraia Takai, Lia Gondim e a gaúcha Rê Adegas. A votação foi aberta para que o público salvasse um dos quatro candidatos já no início do reality, assim que LC Negão subiu ao palco cantando Anjos (Pra Quem Tem Fé), de O Rappa. Em seguida, Lia Gondim cantou Amor Perfeito, de Roberto Carlos. Maraia Takai prosseguiu a disputa com I Will Survive, de Gloria Gaynor, deixando a porto-alegrense Rê Adegas por último, que entrou como "especialista em Música Popular Brasileira", nas palavras de Tiago Leifert. Rê apresentou Ligia, de Tom Jobim, encerrando os shows do quarteto Brown da noite.

Leia mais
"The Voice Brasil": veja como funcionará o tira-teima, a nova fase do reality show
"The Voice Brasil": conheça Léo Pain, gaúcho que conquistou vaga na próxima fase do reality
"The Voice Brasil": veja como ficaram os times após o fim da fase de batalhas

A primeira voz salva pelo público foi Maraia Takai. Rê, LC e Lia ficaram na berlinda, esperando a escolha do técnico, que podia optar por apenas dois candidatos. A primeira classificada foi Rê Adegas, em seguida, Lia Gondim. LC Negão precisou se despedir do The Voice.

O quarteto escolhido por Ivete Sangalo para estrear no tira-teima contou com Edson Carlos, Gisele Lira, Ramon Nascimento e Kevin Ndjana. Edson entrou cantando o sertanejo de Zezé di Camargo e Luciano, Muda de Vida. Na sequência, Gisele Lira levou rock'n roll para a disputa com You Oughta Know, de Alanis Morissette. Com Happy, de Pharrell Williams, Kevin Ndjana dançou e encantou a plateia. Para encerrar o quarteto de Veveta, Ramon Nascimento seguiu o exemplo de Rê Adegas, apresentando um clássico da música brasileira, Drão, de Gilberto Gil.

O público votou e salvou Edson Carlos. A baiana teve a difícil tarefa de escolher apenas dois candidatos, e o primeiro foi Kevin. Depois, o momento de tensão tomou ainda conta do programa, mas Ivete não podia prorrogar mais e decidiu por Gisele. Ramon deu tchau ao reality.

Atual tri campeão do The Voice, Michel Teló revezou no palco as apresentações de Isa Salles, Lais Yasmin, Morgana Rodrigues e Renan Valentti. O pop de Dua Lipa foi representado por Isa Salles, que cantou Blow Your Mind. Em seguida, Lais Yasmin performou Cabecinha no Ombro, de Fagner. Como já era esperado, o time do loiro teve uma dobradinha de sertanejo, com Morgana Rodrigues entoando Amanheceu, de Renato Teixeira, e Renan Valentti trazendo o lado universitário do gênero com Recaídas, de Henrique e Juliano.

De casa, a audiência optou por Morgana Rodrigues. O técnico sertanejo classificou para a próxima fase Lais Yasmin, devido a bela versão que a candidata apresentou da música de Fagner. Renan foi o segundo escolhido por Teló e Isa precisou deixar o reality.

Por último, foi a vez de Lulu Santos escolher seu quarteto para estrear no tira-teima. O roqueiro juntou Cadu Duarte, Giulia Sant'Anna, Daniel Lopes e Priscila Tossan. Com uma dobradinha de pop rock, mostrando a tendência do time Lux, Cadu subiu ao palco cantando Dancing On My Own, de Calum Scott, seguido por Daniel Lopes apresentando o sucesso de LS Jack, Sem Radar. Giulia cantou Pensando em Você, de Claudia Leitte, mas não conseguiu segurar o fôlego da música e esqueceu parte da letra. Para finalizar a noite, Priscila Tossan impressionou com mais uma performance singular, dessa vez de Negro Gato, versão da música Three Cool Cats, da dupla Leiber/Stoler, mas eternizada no Brasil por Roberto Carlos.

Unanimidade entre os técnicos – declarada por Lulu como favorita do reality –, Priscila Tossan também conquistou o público de casa, que salvou a voz. O técnico encerrou a noite do tira-teima optando por Cadu e Giulia, abreviando a presença de Daniel Lopes no The Voice.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros