Confira dicas para aperfeiçoar a técnica na hora do beijo - Entretenimento

Versão mobile

 

Falando de Sexo04/09/2018 | 17h57Atualizada em 04/09/2018 | 17h57

Confira dicas para aperfeiçoar a técnica na hora do beijo

Um beijo, além de bom, ainda faz bem à saúde. 

Andrea Alves e Lucia Pesca


falando de sexo, novo card.
Foto: Reprodução / Reprodução

Você já viu em novelas, filmes e até na rua: o beijo é um gesto de afeto sempre romântico e apaixonado. Confira dicas para aperfeiçoar sua técnica.

Um beijo, além de bom, ainda faz bem à saúde. O de língua, por exemplo, estimula o cérebro a produzir substâncias que ajudam o casal a se sentir relaxado e feliz. Por isso, ele é o melhor remédio contra a depressão. O ato de beijar acelera o ritmo cardíaco e a frequência respiratória, eleva a tensão arterial e aumenta a temperatura da pele. 

Desta forma, um beijo apaixonado desperta desejos e prazeres inexplicáveis, fazendo com que a pessoa se sinta nas nuvens. Além disso,é um dos maiores estimulantes para atrair e aproximar pessoas. Mas, para aproveitar todos estes benefícios, é necessário que haja química entre as partes. Forçado não vale. Para ser bom, é preciso um clima especial, uma harmonia de desejos.

 Leia outras colunas de Falando de Sexo 

Os tipos

Existem diversos tipos de beijos, dos mais profundos aos mais superficiais. 

Certamente, o mais marcante é aquele em que os dois estão na fase do romance e da entrega. Estes costumam ser mais profundos e demorados devido à série de hormônios envolvidos no processo da conquista. 

Porém, se seus lábios não reconhecem mais os do seu parceiro, está na hora de recomeçarem com pequenas "bicotas". Com o tempo, vem o entusiasmo, e, quem sabe, rola aquele beijo tão esperado.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros