Como falar sobre vida sexual com os jovens - Entretenimento

Versão mobile

 

Falando de Sexo24/10/2018 | 20h00Atualizada em 24/10/2018 | 20h00

Como falar sobre vida sexual com os jovens

Não é preciso ter uma conversa formal, com horário marcado e tom pesado. Vá falando do assunto no dia a dia. 

Como falar sobre vida sexual com os jovens Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução

Tenho uma filha adolescente e tento conversar sobre sexo, mas ela não gosta. Qual é a melhor forma de falar com os jovens sobre este assunto e, também, qual é o melhor momento de levar a minha filha ao ginecologista?

Amiga, na adolescência, as mudanças são grandes, e é natural que os jovens evitem algumas conversas. Mas não desista! Não é preciso ter uma conversa formal, com horário marcado e tom pesado. Vá falando do assunto no dia a dia. Aproveite exemplos de filmes, novelas e séries para tocar no tema. 

Momento ideal

Quanto ao momento mais adequado para levá-la ao ginecologista, o ideal é depois da primeira menstruação e, de preferência, antes da primeira relação sexual. 

Assim, ela já começa a estabelecer uma relação de confiança com o médico, o que é muito importante para uma vida saudável. É o médico quem dará informações corretas sobre cólicas, tensão pré-menstrual, corrimentos, métodos de prevenção a doenças sexualmente transmissíveis e contraceptivos. 

Esta história de que levar a filha ao ginecologista é um estímulo para ela transar, é totalmente errada! Levando-a ao médico, você está dando um exemplo de cuidado pessoal, de como ter uma vida saudável. 

Para pais de meninos, um alerta: também leve seu filho ao médico, pelos mesmos motivos. Pode ser um hebiatra (especialista em adolescentes) ou um urologista (especialista no trato urinário de homens e de mulheres e do sistema reprodutor masculino).

 Leia outras colunas do Falando

Se tiver dúvidas e sugestões, mande e-mail para
falandodesexo@diariogaucho.com.br

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros