Deu problema com a camisinha? Veja cinco dicas  - Entretenimento

Versão mobile

 

Falando de Sexo15/11/2018 | 20h00Atualizada em 15/11/2018 | 20h00

Deu problema com a camisinha? Veja cinco dicas 

Algumas medidas são importantes para tentar diminuir os riscos

Deu problema com a camisinha? Veja cinco dicas  Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução

Tive relações com o meu namorado, ele ejaculou, e trocamos de camisinha. Continuamos o sexo, mas, no final, a camisinha ficou dentro de mim e a retiramos rapidamente. Há riscos de gravidez?

Acidentes de percurso podem,  eventualmente, acontecer quando a gente está fazendo sexo. Mas algumas medidas são importantes para tentar diminuir os riscos.

1) Ver o que pode ter acontecido para a camisinha ter ficado dentro da vagina: a ereção ter diminuído, ou terem ficado muito tempo na penetração a ponto de você ter perdido a lubrificação. 

2) Logo que houver a ejaculação, retire o pênis, remova o preservativo e jogue-o fora. Assim, evita escapes como este.

3) A camisinha não pode ficar lá dentro, esquecida, até que resolva aparecer por conta. Se ficar lá dentro, aumentam as chances de gravidez e infecções.

Nunca espere

4) O período fértil, em geral, acontece 14 dias (cerca de duas semanas) antes da menstruação. Se a menina tem o ciclo regular, consegue prever quando estará na fase. Mas até as meninas reguladas podem sair da regra. Por isso, não confie cegamente na tabelinha! Recorra a um método anticoncepcional mais confiável, como a pílula, além da camisinha.

5) Vá ao ginecologista logo em seguida, sempre que um imprevisto acontecer na hora do sexo (camisinhas perdidas, estouradas, sangramentos e dores). Não espere até a menstruação. Nesta situação, o ginecologista poderia (se julgasse necessário) recomendar a pílula do dia seguinte.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros