Saiba como evitar a infecção urinária - Entretenimento

Vers?o mobile

 

Falando de Sexo25/11/2018 | 15h02Atualizada em 25/11/2018 | 16h03

Saiba como evitar a infecção urinária

A Ela é uma doença comum, que atinge 80% das mulheres em algum momento da vida

Andrea Alves e Lucia Pesca

Tenho muita infecção urinária, que aparece sempre que transo com mais frequência. As duas coisas estão relacionadas? 

A cistite, ou infecção urinária, é uma doença comum. Ela atinge 80% das mulheres em algum momento da vida, e, 30% pode desenvolver a infecção de repetição, isto é, quando ocorrem, pelo menos, dois episódios a cada seis meses. 

falando de sexo, novo card.
Foto: Reprodução / Reprodução

A ocorrência se dá pela ação de uma bactéria que entra pelo canal da uretra e vai até a bexiga, provocando a inflamação do órgão. No intestino, este micro-organismo não causa problemas, mas quando entra em contato com o sistema urinário, torna-se nocivo e causa desconforto ao paciente. 

A cistite é mais comum nas mulheres, pois a uretra feminina é mais curta, o que facilita a chegada da bactéria até a bexiga. Além disso, ela fica próxima da vagina e do ânus, uma área bastante suscetível à presença de bactérias. 

A entrada da bactéria na bexiga é favorecida por tudo que a empurre para o interior do órgão, como o próprio ato da relação sexual. Por este motivo, urinar após o sexo é positivo, pois,  automaticamente, “lavamos” a bexiga. 

É importante alertar que a cistite não é transmissível. A bactéria está presente no próprio corpo do indivíduo. 

Leia outras colunas

Prevenção

Como prevenção, é aconselhável tomar bastante água (cerca de 1,5 litro por dia), higienizar a área genital antes e depois de transar e limpar-se, após as necessidades, no sentido da frente para trás, com objetivo de evitar que bactérias passem do ânus para a vagina. 

Mas não se esqueça da importância de consultar um médico.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros