Por que o tesão diminui na relação estável? - Entretenimento

Versão mobile

 

Falando de Sexo02/12/2018 | 16h07Atualizada em 02/12/2018 | 16h07

Por que o tesão diminui na relação estável?

A partir do momento em que o clima de ternura prevalece na relação, o erotismo vai para um segundo plano

Por que o tesão diminui na relação estável? Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução

É comum perder o tesão à medida em que o amor aumenta? Comigo, sempre foi assim. Quanto mais eu gosto, menos desejo sinto.

É natural que o desejo sexual dê uma diminuída quando a gente se sente seguro e tranquilo no relacionamento. A partir do momento em que o clima de ternura prevalece na relação, com lealdade, companheirismo, amizade e parceria, muitas vezes, o erotismo vai para um segundo plano mesmo. 

Isto acontece porque a ternura se torna mais gostosa, mais agradável do que o próprio erotismo. Muitas vezes, observamos que o desejo sexual diminui na medida em que temos a certeza do amor do outro. 

Talvez, porque o desejo subentende algo que está fora da gente, que ainda se quer ter. E, na medida em que a gente tem, fica mais tranquilo. 

Resgate o erotismo

Mas o casal precisa falar abertamente sobre sexo. Deve construir o momento em que não há espaço para monotonia (feito do mesmo jeito, no mesmo lugar), onde se foge do clima de ternura e vai para um mais “pegado”, puxado para o erotismo.

É importante criar uma atmosfera resgatando o clima de conquista. Precisamos lembrar que ninguém é responsável pelo prazer do outro, mas que a busca do desejo e da segurança é direito e dever de ambos em um relacionamento. 

Tentem resolver esta questão com diálogo. Em uma relação, é natural que os ritmos se mostrem diferentes em vários tipos de  comportamentos (sexual, estudo, trabalho e lazer). Caso não consigam fazer isto sozinhos, procurem uma psicoterapia de casal para auxiliá-los.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros