Saiba se frequência das relações pode influir no tamanho da vagina  - Entretenimento

Vers?o mobile

 

Falando de Sexo09/12/2018 | 17h40Atualizada em 09/12/2018 | 17h40

Saiba se frequência das relações pode influir no tamanho da vagina 

A vagina não muda nem se transforma em virtude da frequência de transas, mesmo sendo diferente em cada uma das mulheres.

Andrea Alves e Lucia Pesca

Eu e a minha namorada podemos ter relações todos os dias sem nos preocuparmos de alargar a vagina dela? Sexo todos dias faz mal? 

falando de sexo, novo card.
Foto: Reprodução / Reprodução

Essa história de alargar e gastar a vagina não existe, queridos leitores. A vagina não muda nem se transforma em virtude da frequência de transas, mesmo sendo diferente em cada uma das mulheres devido aos vários tipos anatômicos. A sua profundidade é de 10 centímetros (da vulva ao colo do útero), em média, quando não está excitada. Isto também não muda com a frequência das relações.

Se é "apertada", pode ser sinal de que não está totalmente excitada ou pronta para a penetração. Exercitar a vagina com movimentos de contração pode ajudar a estimulá-la e treinar as paredes do órgão, além de melhorar o prazer do sexo durante a transa. 

Leia outras colunas de Falando de Sexo

Elasticidade

Quando a mulher fica excitada, a vagina aumenta mais 10 ou até 15 centímetros. E ainda: o diâmetro pode crescer dez vezes mais! 

Toda esta elasticidade se mostra uma sábia artimanha da natureza para abraçar pênis de diferentes tamanhos e facilitar a saída do bebê no parto normal. 

Conforme a vontade

A maioria das terminações nervosas responsáveis pela sensação de prazer encontra-se no início da vagina - mais precisamente, nos cinco centímetros iniciais. Ou seja: o tamanho do pênis não é mesmo documento. 

E vocês devem transar sempre que sentirem desejo, excitação. A tal da frequência é vocês que determinam, pois depende de cada casal. 



 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros