Guri de Uruguaiana dá o seu pitaco sobre Bird Box: "Não sobreviveria neste filme."   - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Só se Fala Noutra Coisa02/02/2019 | 10h30Atualizada em 02/02/2019 | 10h30

Guri de Uruguaiana dá o seu pitaco sobre Bird Box: "Não sobreviveria neste filme."  

Guri de Uruguaiana dá o seu pitaco sobre Bird Box: "Não sobreviveria neste filme."   Fabrício Eckhard / Divulgação/Divulgação
Fiquei louco de medo, chê! Foto: Fabrício Eckhard / Divulgação / Divulgação

Buenas, chê! Que tal? Nesta semana, eu assisti ao tal filme Bird Box, que está bombando na Netflix (provedora de filmes e séries de televisão pela internet). Só se fala noutra coisa! Parece que o longa-metragem é sobre um chá de lingerie, mas não é. Conta a história de uma guria grávida que está lutando contra uma força sobrenatural, que faz com que todos os viventes enlouqueçam no momento em que olham para esta energia misteriosa, e queiram se matar. Por isso, todo mundo tem que ficar com os olhos vendados, para não encarar o tal bicho sinistro. Sou um que não sobreviveria neste filme. Se, de olhos abertos, eu já estou sempre dando topadas nos móveis com o meu dedo mindinho, imagina vendado! 

 Leia mais
Guri de Uruguaiana critica os gaúchos de apartamento: "Temos uma nova ameaça à nossa tradição."
Guri de Uruguaiana pede apoio para os desabrigados:"Vamos mostrar a solidariedade do povo gaúcho, vivente!"
Guri de Uruguaiana fala sobre o verão: "Mais faceiro do que lambari em sanga de açude"

Sem olho espichado

Quem ia gostar deste negócio de andar vendado por aí é a minha patroa, Sílvia Helena. Ela gostaria que eu usasse a venda na academia, para não ficar olhando para as gurias. Mas teria uma vantagem: passar pela louça suja na pia e fingir que não vi. Pensando bem, eu já faço isto sem precisar usar uma venda. Outra que não ia resistir é a minha sogra. Ela é muito fofoqueira. Na primeira briga dos vizinhos, ela ia ter que dar uma espiadinha. 

Planeta Atlântida

Agora, só vou de camarote!Foto: Tiago Trindade / Divulgação

Neste fíndi, está rolando um dos maiores festivais de música do Brasil, o Planeta Atlântida. A minha patroa, Sílvia Helena, falou que quer assistir ao show da Anitta. Ela até começou uma dieta para ficar igual à cantora. Eu falei: “Só se for para ficar parecida com a Anita Garibaldi”. Como ela ficou brava, tentei consertar e disse que era brincadeira. Afirmei que ela até parece a Anitta, mas de longe... de bem longe! Mais ou menos, de uns 200 quilômetros de distância.

Falando em Planeta, hoje, eu consigo fazer a previsão do tempo com mais precisão do que o próprio Cléo Kuhn. Tenho 100% de certeza que vai chover. Sempre chove neste evento. Aí, fica aquele barral, uma belezura. Parece o Woodstock do Pampa. 

Pulseirinha pra todo o lado

Por isso, muita gente prefere assistir aos shows dos camarotes, com pulserinha VIP. Lá no camarote, eles te botam a pulseirinha do camarote geral. 

Depois, outra, do patrocinador e outra, para entrar nos camarins… Eu termino o festival parecido com a Carmem Miranda, de tanto adereço. Aqui no Sul, a moda é a pulseirinha, mas, lá em Brasília, é outra: é a tornozeleirinha eletrônica! Que barbaridade!

Te agenda, vivente!

Foto: Fabrício Eckhard / Divulgação

Chê! Corre e garante o teu ingresso para a minha temporada de shows de verão. Te liga nas datas.

CAPITAL 

/// O quê: shows no Porto Verão Alegre

/// Quando: nos dias 4, 5, 6, 7, 13 e 14 de fevereiro, às 21h

/// Onde: Teatro da Amrigs, Avenida Ipiranga, 5.311

/// Quanto: R$ 32, à venda no site portoveraoalegre.com.br

LITORAL 

/// Cidreira – neste sábado: Amigos e Amigos, Rua Arildo Luiz da Rosa Pinto, 2.917, às 21h 

/// Pinhal – 8/2: Sociedade Amigos de Pinhal (Sap), Avenida General Osório, 1.030, às 21h 

/// Capão da Canoa – 9/2: Capão da Canoa F. C., Avenida Paraguassu, 2.361, às 21h 

/// Ingressos: R$ 30 (entrada inteira antecipada), R$ 40 (vip bagual antecipada), R$ 50 (inteira na hora) e R$ 60 (vip bagual na hora)

Foto: Reprodução / Reprodução


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros