Victor Chaves diz que estava atuando quando ironizou denúncias de agressão e brigas com Léo - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Polêmica17/02/2019 | 14h52

Victor Chaves diz que estava atuando quando ironizou denúncias de agressão e brigas com Léo

Em novo vídeo, cantor declarou que gravação divulgada na última segunda-feira (11) não passava de uma sátira

Victor Chaves diz que estava atuando quando ironizou denúncias de agressão e brigas com Léo Reprodução/Instagram
Victor fez uma entrevista consigo mesmo em clipe original Foto: Reprodução / Instagram
GaúchaZH
GaúchaZH

O cantor Victor Chaves publicou um vídeo nas redes sociais nesta sexta-feira (15) no qual procura explicar a gravação que divulgou na última segunda (11), em que ironiza denúncias de agressão e as brigas com o irmão Léo, com quem formava uma dupla sertaneja. Duramente criticado pelo público, ele afirmou:

— Não tem com ser uma brincadeira porque eu não brincaria com fatos da minha própria vida. Não faria sentido.

Ele ainda afirmou que se tratava de uma sátira e que ele estava atuando:

— Embora o nome seja meu e a imagem seja a minha e eu não seja ator, me propus a atuar — continuou.

Veja o discurso completo:

 Victor produziu o vídeo original como se fosse uma entrevista, em que ele conversa consigo próprio. Os dois personagens, um de camisa e o outro sem, estariam simbolizando duas classes diferentes, de acordo com o artista. De um lado a mídia, que não veste "camisa nenhuma" e do outro uma parte interessada, representando aqueles que "não se posicionam nunca, que dão respostas desejáveis, esperadas, para que continuem sendo ovacionados de forma santificada e não se posicionam, não dizem o que pensam, não querem polêmica". 

Sobre uma dos trechos mais polêmicos, em que faz piada com supostos "15 chutes na barriga de uma grávida", o cantor disse que ela "é motivo de riso da parte do entrevistado, um riso quase doentio". 

Sobre o fim da dupla com o irmão, que declarou na última semana que os dois "brigavam o tempo todo", Victor disse que "foi uma atitude estudada, pensada , ensaiada, levou tempo pra gente se organizar".

Por fim, o cantor afirmou que acredita em um "mundo melhor". 

— Eu acredito num mundo melhor e o ensejo desta sátira, desse vídeo, é provocar você ou quem quer que seja para isso, para que você possa viver num mundo em que seja possível discordar sem agredir, viver num mundo em que seja possível discordar respeitando, sem xingamentos, sem hostilidade. É possível.

Veja o vídeo original: 


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros