É natural ter um seio diferente do outro - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Falando de Sexo24/06/2019 | 15h26Atualizada em 24/06/2019 | 15h26

É natural ter um seio diferente do outro

Ninguém tem os dois lados do corpo idênticos. Pode parecer estranho, mas essa diferença é comum

Andrea Alves e Lucia Pesca

Não gosto do meu corpo porque vejo que meus seios são diferentes. É normal ter um seio maior do que o outro? 

falando de sexo, novo card.
Foto: Reprodução / Reprodução

Se você reparar bem, ninguém tem os dois lados do corpo idênticos. Uma mão pode ser um pouco maior do que a outra ou uma das pernas pode ter mais pelos. Com os seios, é a mesma coisa. 

Pode parecer estranho, mas essa diferença é comum. Mas, caso a disparidade seja grande, a mulher pode optar pela cirurgia de correção.Geralmente, as mamas começam a se desenvolver por volta dos oito ou nove anos de idade. Entre os 16 ou 17 anos, estão completamente formadas. Na maioria dos casos, o seio esquerdo é maior do que o direito. Isso se deve a um maior acúmulo de glândulas mamárias nessa região.

Leia outras colunas

Vergonha

O maior problema é a inibição que a diferença pode causar. Às vezes, as mulheres começam a sentir muita vergonha de mostrar seus seios durante a transa ou na frente das amigas.

O ideal a fazer é parar para pensar se não há uma distorção de imagem bem evidente que acabe causando problemas físicos ou emocionais em você. O jeito é encarar e procurar um médico para ver o que há de realidade nesta diferença de tamanho. Se for o caso, a solução para a correção na irregularidade de tamanho entre os seios é feita por meio da colocação de uma prótese de silicone na mama menor ou da redução da maior.

Caso você não queira se submeter à correção delas por meio de uma cirurgia, uma boa saída é usar biquínis e sutiãs com bojo. Eles podem ajudar a disfarçar essa diferença e a melhorar a sua autoestima.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros