92 Mais Mulher: conheça a história da youtuber porto-alegrense que investiu no fortalecimento da autoestima - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Coluna da Mari Araújo25/07/2019 | 12h11Atualizada em 25/07/2019 | 13h18

92 Mais Mulher: conheça a história da youtuber porto-alegrense que investiu no fortalecimento da autoestima

Vaidade e amor-próprio são questões interligadas, mas que muitas mulheres ainda deixam de lado

92 Mais Mulher: conheça a história da youtuber porto-alegrense que investiu no fortalecimento da autoestima Mateus Bruxel/Agencia RBS
Que reflexo vê em você, e como anda sua autoestima? Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

Vaidade e amor-próprio são duas questões interligadas, mas que muitas mulheres ainda deixam de lado. “Tu já te amou hoje?”, “Te aceitou?”, “Saiu sem maquiagem?”, “Tirou uma foto de cara lavada?”. Tenho certeza de que as palavras da minha xará, a youtuber gaúcha Mariana Wofchuk, do canal De Frente com o Espelho, e as dicas da professora do curso de Psicologia da Fadergs Luciene Geiger vão servir de inspiração para que outras mulheres não se escondam, não se sintam mal ou culpadas por estarem fora dos padrões impostos pela sociedade. Chega! Precisamos nos libertar sem ficar com vergonha de pedir ajuda quando necessário.

Ame-se sem pressão

A youtuber gaúcha Mariana Wofchuk, de 25 anos, moradora do bairro Rio Branco, nos faz refletir sobre a importância da autoestima. Mari de Frente com o Espelho, conta com mais de 45 mil inscritos e no Instagram (@mariwofchuk), no qual possui mais de 15 mil seguidores.
Mariana Wofchuk e o seu antes e depoisFoto: reprodução / Instagram

As questões levantadas no canal da youtuber gaúcha Mariana Wofchuk, 25 anos, do bairro Rio Branco, nos fazem refletir sobre a importância de investirmos na nossa autoestima. No seu canal, De Frente com o Espelho, que tem mais de 45 mil inscritos, e no Instagram (@mariwofchuk), com mais de 15 mil seguidores, a influenciadora digital fala com orgulho sobre a reeducação alimentar que a fez perder 80 quilos em um ano e meio. Tudo sem cirurgia nem medicação. 

A mudança ocorreu em 2015, 10 dias antes do Natal, por conta de um sentimento que veio de dentro para fora. Uma necessidade de mudança para se sentir melhor consigo mesma.

Liberte-se de padrões!

– Não ficava mais de frente com o espelho. Não me reconhecia mais como mulher. Sempre busquei me amar, mas não conseguia, porque o meu peso ocupava tudo... – revela a youtuber, estudante de Psicologia da PUCRS.

Hoje, de bem consigo mesma, Mari também é motivo de inspiração para outras meninas: 

– Aprendi a me amar do jeito que eu sou, depois de 24 anos, com espinha, olheiras, excesso de pele, estrias e um monte de coisa que um ser humano real tem. 

Sua busca é incentivar as seguidoras a se amarem sem pressão:

– Não aceito padrões! Me vejo e digo: “Olha a mulher em que tu te transformou”. Tiro um tempo para me olhar. 

Não dependa da avaliação dos outros

Mas, afinal, até que ponto a vaidade é saudável?

– Buscamos o afeto e a estima das pessoas que nos são mais importantes. No entanto, se passamos a nos comportar excessivamente com o objetivo de obter essa valorização por elogios e curtidas nas redes sociais, estaremos sendo vítimas. E quanto maior a vaidade, maior é o nível de dependência – alerta a professora de Psicologia da Fadergs Luciene Geiger. Claro que o cuidado diário e natural com a aparência é saudável. 

Mas há uma linha tênue que começa a denunciar o contrário, segundo a especialista:

– Isso é muito diferente de buscar corresponder a um ideal valorizado pelos outros para, só então, se sentir com valor.

Hora de virar esse jogo

/// Identifique e valorize aquelas características que considera seus pontos mais fortes. Isso tira o foco dos aspectos que não acha tão bons em si.

/// Procure realizar mais atividades que lhe tragam satisfação pessoal, independentemente do que as outras pessoas pensem a respeito.

/// Pergunte-se: que competência reconhece em si mesma?

/// Ria e aprenda com os erros, acolhendo suas imperfeições.

/// Reconheça que todas nós teremos perdas e ganhos. Isso traz leveza para seguir comprometida em seu constante aperfeiçoamento.

Ligue o sinal de alerta...

/// Se você depende demais da apreciação das outras pessoas para se sentir bem consigo mesma.

/// Se deixa de realizar atividades que considera importantes ou evita se relacionar com os outros por considerar que não corresponde a uma imagem ideal ou que seja suficientemente boa. Cuidado!

Deixa eu te contar

Somos todas diferentes, temos defeitos, qualidades, personalidade, gostos e estilos opostos. E está tudo bem! Se olhar no espelho vai muito além da aparência física. É um sentimento que nos envolve de dentro para fora. Quando sei quem eu sou, me aceito e tenho confiança em mim, dificilmente, uma mera imagem vai atrapalhar a minha vida. Não deixe nada nem ninguém te colocar pra baixo!

#LookDaMariAraujo

Peças em preto e branco nunca saem de modaFoto: Instagram / Reprodução

Entra estação, sai estação, e a combinação  preto e branco nunca sai de moda. Com ela, fica fácil e versátil montar qualquer look. Aliás, essas peças são apostas certeiras no guarda-roupa. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros