Outubro Rosa: veja a programação de graça para pacientes e voluntárias na causa do câncer de mama  - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

92 Mais Mulher03/10/2019 | 10h00Atualizada em 03/10/2019 | 10h00

Outubro Rosa: veja a programação de graça para pacientes e voluntárias na causa do câncer de mama 

Caroline de Lima, hoje curada, dá palestras

Outubro Rosa: veja a programação de graça para pacientes e voluntárias na causa do câncer de mama  Sabrina Gabana/Divulgação
Caroline é pura superação Foto: Sabrina Gabana / Divulgação
Mariane Araújo
Mariane Araújo

Chegamos em outubro, mês dedicado à conscientização e à prevenção ao câncer de mama. Portanto, não podemos deixar de abordar um assunto que mexe com o emocional e com a autoestima de mulheres das mais diversas faixas etárias.

Entrei em contato com o Instituto da Mama do Rio Grande do Sul (Imama) e conversei com a gestora de marketing, Samsara Nyaya Nunes, para falar sobre o foco da campanha deste ano.

- Chamamos atenção para a #MeTrateDireito, para que cada paciente tenha um tipo de tratamento individualizado, com todo o carinho e acolhimento. É uma campanha que une pacientes, familiares, profissionais de saúde e gestoras. E toda a população se sensibiliza querendo participar - conta Samsara.

Com o intuito de alertar para o diagnóstico precoce e a celebração da vida, confira a programação.   

Apoie a causa

Outubro Rosa, Imama
Caminhada das Vitoriosas vai reunir centenas no ParcãoFoto: Instagram / Reprodução

/// O quê: 16ª Caminhada das Vitoriosas.

/// Onde: o trajeto começa no Parcão e termina na Redenção.

/// Quando: 20 de outubro, com concentração a partir das 9h. Saída: 10h.

/// Compre a camiseta e participe: R$ 20 (venda antecipada) e R$ 25 (no dia do evento), disponível na sede do Imama (Dr. Vale, 157, no bairro Floresta).

Amor-próprio no processo de cura

Uma das mulheres mais jovens acompanhadas pelo Imama, Caroline de Lima, 36 anos, é a prova do quanto o autoexame e o autocuidado são fundamentais para o diagnóstico precoce. 

Outubro Rosa, Imama
Compre a camiseta e participe!Foto: Instagram / Reprodução

- É importante se olhar no espelho, conhecer o corpo e perceber que alguma coisa não está correta - alerta a relações-públicas de Porto Alegre, que, em 2017, descobriu o câncer fazendo autopalpação das mamas em casa.

Sem perder a vaidade e para manter a autoestima, durante as 16 sessões de quimioterapia realizadas, seu grande truque era se arrumar, usar lenço combinando com a roupa e maquiagem para encarar cada etapa do tratamento.

Com motivação, a vitoriosa, hoje curada, atua como palestrante do Imama. A sua experiência serve de inspiração para outras mulheres.

- As informações da campanha Outubro Rosa me salvaram. E eu tenho a missão de passar essa força rosa adiante. Quero reduzir os casos de morte pelo câncer de mama, lutando pelo diagnóstico precoce e pelo acesso à informação, com a minha vivência, leveza e força - enfatiza.

Ajuda de graça

O Imama oferece uma série de serviços gratuitos para apoiar pacientes, voluntários e o público em geral.

Outubro Rosa, Imama
Mulheres do Imama acompanha mulheres na luta contra o câncer de mamaFoto: Instagram / Reprodução

/// Palestras: envie e-mail para palestras@imama.org.br e agende uma palestra na sua empresa ou na sua escola.

/// Apoio psicológico: quinzenalmente, ocorre atendimento para pacientes nas quartas-feiras, às 13h45min. Para voluntários, é nas quintas, às 14h

/// Empréstimo de perucas: aberto de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. Também há doação de lenços.

/// Acolhimento para novos voluntários: quinzenalmente, nas terças-feiras, às 14h. Para ser voluntário, envie e-mail para acolhimento@imama.org.br.

/// Grupo de meditação: para  pacientes e voluntários, nas quartas-feiras, às 16h.

/// Bate-papo rosa: quinzenalmente e aberto ao público, nas quintas-feiras, às 14h.

/// Orientação nutricional: para pacientes e voluntários, nas quartas, às 14h45min.

/// Coaching sobre qualidade de vida: para pacientes e voluntários, nas quintas pela manhã, mediante agendamento. 

/// Grupo de fisioterapia: exclusivo para pacientes, nas quartas-feiras, das 14h às 15h.

Fonte: institutodamama.org.br

#LookDaMariAraujo

Desde pequena, rosa sempre foi uma das minhas cores preferidas. A minha dica é para as mulheres que ainda não conseguem fugir do básico ou ficam com receio se usar cores vibrantes: comece aos poucos. Invista em uma peça de roupa, em um sapato ou em um acessório.

Aos poucos, comece a usar cores vibrantesFoto: Divulgação / Reprodução


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros