Com show de Daniel, Parcão recebe Concertos Comunitários de Natal - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Clima de fim de ano06/12/2019 | 16h46Atualizada em 06/12/2019 | 16h46

Com show de Daniel, Parcão recebe Concertos Comunitários de Natal

Tradicional evento de Porto Alegre, espetáculo acontece na noite deste domingo (oito), às 19h

Na noite deste domingo (oito), no Parcão, o Concertos Comunitários de Natal Zaffari reunirá um misto de romantismo, música clássica e canções de Natal. Tudo porque as atrações do tradicional concerto deste ano serão a Orquestra de Câmara Theatro São Pedro e o cantor sertanejo Daniel, que interpretará sucessos de sua trajetória, da MPB e algumas surpresas, tudo sob a regência do maestro Evandro Matté, em um show gratuito. Em Retratos da Fama deste fim de semana, confira uma entrevista exclusiva com o astro da noite e todos os detalhes do evento, que deve levar milhares de pessoas ao Parcão. 

daniel, cantor sertanejo.
Daniel é principal atração da noiteFoto: Fábio Nunes / Divulgação

Orquestra comanda a noite 

Há 32 anos, uma tradição acompanha os finais de ano na Capital. Trazendo interpretações emocionantes de canções de Natal,  o Concertos Comunitários de Natal Zaffari mobiliza, anualmente, milhares de pessoas, sempre em eventos gratuitos. 

orquestra de câmara theatro são pedro.
Orquestra de Câmara comanda o espetáculoFoto: Vitoria Proença / Divulgação

Neste ano, o Parcão receberá, neste domingo, a Orquestra de Câmara Theatro São Pedro, sob a regência do maestro Evandro Matté, com as participações especiais das solistas Anaadi e Helena Losada,  do Ballet Vera Bublitz, do Coro Sinfônico da OSPA  e do Vocal Atmosfera. A cereja do bolo do evento será a participação especial do cantor Daniel, em um evento que promete ser emocionante. Em outros anos, o Concerto já teve a participação especial de nomes como Fafá de Belém (2018) e Diogo Nogueira (2017). 

Dos clássicos aos hits de Natal

helena losada, soprano.
Helena será uma das solistasFoto: Reprodução / Facebook

No repertório do espetáculo, que deve durar cerca de uma hora e 40 minutos, a previsão é de que sejam executadas obras clássicas de Tchaikovsky (1840 - 1893), Beethoven (1770 - 1827) e Verdi (1813 - 1901), além de temas natalinos, claro. Quando Daniel subir ao palco, da metade para o fim do espetáculo, o romantismo tomará conta, já que ele interpretará sucessos como Como Vai Você, Declaração de Amor e Romaria e outras surpresas. 

Anaadi é destaque

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 07-07-2019: Sob a regência do maestro Evandro Matté, a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) apresenta o concerto Pink Floyd Sinfônico no auditório Araújo Viana. Com participação dos cantores Anaadi e Rafa Gubert, o espetáculo teve ingressos esgotados e plateia lotada. (Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS)
Anaadi estreia no Concertos Comunitários de NatalFoto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

Entre as participações especiais, chama atenção a presença de Anaadi, um dos grandes destaques da música gaúcha nos últimos anos. Em 2018, ela foi vencedora do Grammy Latino, na categoria Melhor Álbum Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa, pelo disco Noturno. Em entrevista por áudio de WhatsApp, Anaadi revela que já cantou com a Orquestra de Câmara Theatro São Pedro em outras oportunidades. Porém, ela fará sua estreia nos Concertos de Natal.

— É uma grata experiência para mim, acho lindas essas oportunidades de levar formação de orquestras com solistas, esse time completo musical para a população, de forma gratuita, acho isso fantástico. A gente vê esse tipo de evento em grandes cidades pelo mundo, como os concertos de primavera, em Nova York. Acho maravilhoso que Porto Alegre tenha isso também, a Capital é um berço cultural onde nascem muitos artistas talentosos, muitas produções lindas nascem e crescem aqui — afirma Anaadi.

No show, a gaúcha terá a oportunidade de reencontrar Daniel, seu técnico na edição de 2013 do The Voice Brasil, que a gaúcha participou.

— Isso é interessante. Ele foi meu técnico no The Voice e hoje, cantaremos juntos como dois solistas em um concerto. Isso fala dos caminhos artísticos, das diferentes formas das pessoas se encontrarem pela vida, e da arte proporcionar esse encontro. Tento não criar expectativas (para a apresentação), eu tenho desejos. Desejo que seja uma noite linda, emocionante, que esse concerto agregue as pessoas. Acho que o papel da música é promover encontros, unir as pessoas. Que pessoas de diferentes níveis sociais e diferentes gêneros possam, ter acesso a esse concerto.

Números grandiosos para o evento

Desde o fim da semana passada, um dos espaços mais tradicionais e arborizados da Capital, o Parcão, vem sendo "tomado" por um pequeno exército de trabalhadores, que dão forma ao Concertos Comunitários de Natal. De acordo com a organização, aproximadamente 300 profissionais trabalham na preparação do evento. Confira alguns números:

— 150m² de leds e mais de 250 refletores de iluminação. 324m² de área de palco e cerca de 250m² destinados a camarins e serviço localizados em áreas montadas para acomodação do elenco artístico, no backstage. 

— No elenco, são mais de 200 pessoas, entre músicos, bailarinos e artistas.

"Será uma energia incrível, incomparável"

Nesta entrevista,  Daniel, grande atração do Concertos Comunitários de Natal Zaffari, falou sobre a expectativa para a apresentação e sobre as diferenças em fazer um show acompanhado de uma orquestra. Confira. 

Qual tua expectativa para o show, já que terás uma orquestra te acompanhando?

É uma expectativa ótima, pois o som é diferente, é um momento diferente. Quando a gente se aproxima do Natal, do Ano-Novo, a gente consegue perceber que as pessoas estão mais sensibilizadas, mais à flor da pele. Tenho certeza que será um momento único. Já me apresentei em outras oportunidades com esse formato (ao lado de uma orquestra) e isso me encanta, esse tipo de som me encanta. Me sinto muito bem me apresentando com uma orquestra. 

Tens uma ligação antiga com o público gaúcho. Como te prepara para o show, para ser recebido em um dos mais tradicionais parques de Porto Alegre? E como será o repertório?

É verdade, minha ligação com os gaúchos é antiga, é um público que sempre me acolheu, desde a época do saudoso João Paulo (João Paulo & Daniel formaram uma dupla até 1997, quando João faleceu, após um acidente de carro. Depois, Daniel decidiu seguir carreira solo), no início da carreira. Quanto ao repertório, serão as canções que eu me vejo cantando sempre, que fazem parte da minha vida e de outros artistas, também. Músicas que possam lembrar esse momento incrível, de fim de ano. um período de confraternização, união familiar, união das pessoas. Essa mensagem estará presente no repertório, com certeza. 

Tu és um cara muito religioso, devoto de Nossa Senhora Aparecida, inclusive. Como é a sensação de fazer show em um concerto de Natal, época marcada pela religiosidade?

A religiosidade sempre foi uma coisa muito presente na minha vida, a fé é um dos maiores pilares da minha vida. É ela que nos move e é muito prazeroso juntar as duas coisas. É legal trazer um pouco da sua fé numa época em que se fala sobre isso, sobre o nascimento de Jesus Cristo, do que ele representa para todos nós. A ideia é fortalecer isso para as pessoas que estarão presentes, sempre faço isso, por meio das minhas músicas. 

Esse evento é diferente de boa parte dos shows que tu está acostumado a fazer, por ser um parque, de graça, a céu aberto. Como encara isso? É diferente fazer esse tipo de apresentação?

É uma satisfação poder estar em um concerto desse tamanho, diante de uma orquestra, em um evento gratuito, diante de um público que não pagará ingresso. Acredito que será uma energia incrível, incomparável.

Uma das participações especiais do evento será da Anaadi, gaúcha, que já ganhou um Grammy. Com a velocidade das informações hoje, consegues acompanhar o surgimento de novos artistas?

Conheço a história da Anaadi, uma artista conceituada, tem um belíssimo trabalho. Estou sempre ligado no trabalho dos outros, pela natureza da minha profissão. 

Serviço

O quê: Concertos Comunitários de Natal Zaffari, com a Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro, participação de Daniel, Anaadi, Helena Losada e do Ballet Vera Bublitz, do Coro Sinfônico da OSPA e do Vocal Atmosfera

Onde: Parque Moinhos de Vento, o Parcão, Comendador Caminha, s/nº, 

— Quando: neste domingo (oito), a partir das 19h. Em caso de chuva, o evento será transferido para o próximo domingo (15), no mesmo horário e no mesmo local. 

Quanto: entrada franca






 



 



 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros