Mesmo com o prêmio do "BBB 20", Thelma pretende voltar à medicina: "É o que eu amo e vou me dispor a ajudar como der" - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Planos da campeã29/04/2020 | 08h19

Mesmo com o prêmio do "BBB 20", Thelma pretende voltar à medicina: "É o que eu amo e vou me dispor a ajudar como der"

Vencedora do reality também revela com quais participantes quer manter contato

Mesmo com o prêmio do "BBB 20", Thelma pretende voltar à medicina: "É o que eu amo e vou me dispor a ajudar como der" Artur Meninea/Globo
"Lutei muito para conseguir, gosto muito e faz parte da minha rotina", disse Thelma sobre trabalho como médica Foto: Artur Meninea / Globo

Mesmo se tornando a mais nova milionária do Brasil, Thelma Assis não pretende largar a sua profissão. Médica anestesiologista, a vencedora do Big Brother Brasil 20 se disse assustada com as medidas provocadas pelo coronavírus, como o distanciamento social. A sister também afirmou que ainda não conseguiu falar com seus colegas de profissão e amigos que podem estar na linha de frente no combate à pandemia.

— Estou bem assustada. Ainda não tive a oportunidade de falar com meus colegas. Mas eu pretendo, sim, voltar para a medicina. É o que eu amo e vou me dispor a ajudar como der. Meu marido acabou de me avisar que eu tenho uma amiga que pegou coronavírus e se recuperou bem. Mas é assim, são informações que estou recebendo — contou a campeã do reality, em entrevista por vídeo para GaúchaZH na tarde desta terça-feira (28).

Thelma afirmou que não tem certeza de quando irá voltar para o ambiente hospitalar.

— O meu ambiente era o centro cirúrgico. Eu trabalhava por plantão, a oferta deve ter diminuído. Provavelmente reduziram as cirurgias eletivas. Não sei bem como está. Mas com certeza eu vou voltar, lutei muito para conseguir, gosto muito e faz parte da minha rotina. Em algum momento, vou voltar — explicou.

A campeã do BBB 20 também falou sobre comentários racistas que recebeu fora da casa:

— Racismo é crime, e a gente corre atrás dos nossos direitos. Se for confirmado racismo, essa pessoa vai arcar com as consequências. Hoje em dia, temos a Justiça a nosso favor. Vou curtir a minha vitória, e não vai ser brigando com racista na internet, vai ser na Justiça mesmo.

Dentro do BBB, uma fala de Gizelly também foi considerada racista quando a advogada comparou a maquiagem de Thelma com barro. A vencedora do reality disse que enxergava que a sister era uma pessoa disposta a aprender sobre o assunto:

— Naquele momento, não me doeu como racismo. Mas eu entendo as pessoas, não desmereço quem pensou dessa forma . Essa fala pode ter doído em algumas pessoas. Em mim, eu enxergava naquele momento pessoas que estavam dispostas a evoluir, a aprender com os erros.

Thelma também falou sobre os comentários de alguns participantes e até do público a chamando de "planta do jogo". 

— Algumas pessoas acharam que tomar água da piscina, que ficar dando cambalhota na grama sintética não era ser planta. É como eu disse em um jogo da discórdia, eu vou ressignificar a planta. A minha estratégia é essa, eu sou assim na minha vida, eu observo as pessoas e escolho as pessoas que eu quero estar do lado. Então, eu fiz isso no jogo, e se fui considerada como planta, se fui tida como nenhuma chance de ganhar, um beijo. Virei a planta “comigo ninguém pode” — falou a campeã, aos risos.

Thelma também afirmou que está aceitando convites para participar do Carnaval no ano que vem e enumerou com quais participantes quer manter contato fora da casa:

— Se não tivesse o coronavírus, eu iria tomar um chope no bar com o Babu agora. Acho que é Babu, Rafa e Manu. O resto fica o respeito, não precisa mais, já tenho muita amizade aqui fora — resumiu, descartando Gizelly e Marcela da lista, com quem também teve aproximação no jogo. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros