Guri de Uruguaiana dá seu depoimento sobre o consumo de erva-mate: "Hoje, uso só dois quilos por dia" - Entretenimento

Vers?o mobile

 
 

Só se fala noutra coisa!25/07/2020 | 07h00Atualizada em 25/07/2020 | 07h00

Guri de Uruguaiana dá seu depoimento sobre o consumo de erva-mate: "Hoje, uso só dois quilos por dia"

Confira o relato sincero do gaudério

Guri de Uruguaiana dá seu depoimento sobre o consumo de erva-mate: "Hoje, uso só dois quilos por dia" Artebiz/Divulgação
Confesso: já fui viciado em erva-mate! Foto: Artebiz / Divulgação

Chê! Hoje, decidi abrir o meu coração e contar uma situação que  ocorreu comigo há muitos anos. Muita gente não sabe, mas eu já fui viciado em erva-mate! Daquela moída grossa e embalada a vácuo. Achei que isso nunca fosse acontecer comigo... Mas aconteceu. Eu tomava um mate aqui, outro ali, ingenuamente. Não percebi que estava me tornando dependente. Com o tempo, comecei a dirigir e tomar chimarrão ao mesmo tempo. O vivente passa em uma lombada, dá aquele solavanco e cai a água quente bem no meio do estofamento do carro! Que tristeza! 

Sem limites

No verão, em Cidreira, naquelas areias brancas e mar azul, mesmo que fizesse um calorão de 40ºC, eu ficava lá... Me refrescando com o meu mate quente. Mas aquilo não bastava. Eu queria mais: precisava entrar mar adentro com o meu próprio chimarrão. Quando percebia, já estava além da rebentação. Mas a gota de água quente foi quando levei o mate para a cama. Eu estava ali, cumprindo as obrigações que os casados têm de 90 em 90 dias, quando falei para a Sílvia Helena: 

– Para de sacudir essa cama! Está derrubando toda a erva! 

Então, foi aí que ela decidiu me levar nas reuniões do C.A. – Chimarrólatras Anônimos. Hoje, posso me considerar curado: uso só dois quilos de erva-mate por dia.

guri de uruguaiana, coluna de 25 e 26 de julho de 2020<!-- NICAID(14552492) -->
Quer paz? Toma um calmante!Foto: Artebiz / Divulgação

Correio amoroso

Guri, como posso encontrar um amor que me traga paz? Tenho medo de ficar velho e sozinho para sempre. Ricardo Góes, de Canoas

Ricardo, em primeiro lugar, tenha em mente que o amor não traz paz. A única coisa que traz paz de verdade é um calmante. Não te preocupa se a tua vida amorosa ainda não deu certo. É assim mesmo: em um dia, a gente perde, no outro, ganham da gente! Afinal de contas, é como dizia o meu velho pai: 

– Para cada meia que desaparece, surge uma tampa sem pote. 

Espero ter ajudado, chê. Grande abraço!

Já somos 500 mil amigos!

Nesta semana, eu fiquei mais faceiro do que mosca em tampa de xarope: atingimos a incrível marca de 500 mil inscritos no meu canal no YouTube. Que falta de opção! São mais de 10 anos de dedicação a esse projeto, produzindo conteúdo de qualidade para entreter os gaúchos. Para comemorar, fiz um vídeo com os grandes momentos do canal: as melhores paródias, vlogs e clipes especiais. E como sou bagual, lancei um desafio! Se alcançarmos a marca de 700 mil inscritos até o final do ano, o Licurgo vai nadar em uma piscina de sagu e saltar de asa-delta em Torres! Aí, o leitor pode se perguntar: “Mas se o canal é dele, por que o Licurgo vai cumprir o desafio?”. Eu respondo: o canal é meu e faço o que quero. Mas que barbaridade!  Te inscreve lá e acessa, chê: youtube.com/gurideuruguaiana.

Tirinha

Foto: Reprodução / Reprodução
 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros