Guri de Uruguaiana: "Já parou para pensar como são diferentes as festas infantis de ricos e de pobres?" - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Só se fala noutra coisa!29/08/2020 | 12h00Atualizada em 29/08/2020 | 12h00

Guri de Uruguaiana: "Já parou para pensar como são diferentes as festas infantis de ricos e de pobres?"

Humorista fala, ainda, sobre um compadre pra lá de pão-duro!

Nem Toda Festa é Igual!

Chê! Já parou para pensar como são diferentes as festas infantis de ricos e de pobres? Nas comemorações das famílias abastadas, o bolo é de isopor: só serve para enfeitar a mesa. Nas casas dos mais humildes, o bolo é gigante, cheio de clara em neve por cima, porque é barato e fica bonito. 

coluna do guri de uruguaiana, 29 e 30 de agosto de 2020
Brigadeiro não pode faltar, chê!Foto: Artebiz / Divulgação

Nas festas dos ricos, tem canapés chiques com ricota. Os doces são elaborados com cravo e sem glúten. Já nas festas dos pobres, tem uma montoeira de pastel de guisado, canudinho de maionese e brigadeiro! Além disso, cada parente leva uma coisa diferente em um pote: nega-maluca, torta de bolacha, pudim e cachorro-quente.

Tudo diferente

Nos aniversários das crianças endinheiradas, a louça é chique, de porcelana pintada à mão, e os talheres são de inox. Todo mundo come sentado à mesa, mas só depois de cantar o Parabéns pra Você. Já nas festas das pessoas com menos grana, são usados pratos e copos descartáveis. 

Os convidados sentam em cadeiras de praia ou no chão. E nem esperam o Parabéns: já vão comendo. Quando a festa é cara, rola em um salão elegante, decorado com o super-herói favorito da criança. Comemoração em lar de pobre é na garagem, nos fundos de casa. 

Caso chova, é só estender uma lona abagualada. Resumindo: festa de pobre é muito melhor!

Causos da campanha

Eu tenho um compadre que é pão-duro uma barbaridade! Certa feita, a patroa dele estava insistindo para trocar a televisão da família por uma nova, porque a velha não estava sintonizando os canais direito. Bem capaz que ele iria comprar um aparelho novo! 

coluna do guri de uruguaiana, 29 e 30 de agosto de 2020
O barato sai caro, viventeFoto: Artebiz / Divulgação

- A TV está boa ainda, só tem que posicionar melhor a antena - disse ele. 


Mancada

Porém, eles moravam em um prédio de 20 andares, e a tal antena ficava no último.

Mas ele cismou: 

- Mulher! Eu vou subir no telhado e consertar. Enquanto isso, vai preparando o almoço. Faz dois ovos para mim e dois para ti. Já volto. 

Bom, ele subiu no telhado enquanto a esposa foi cozinhar os ovos. Lá em cima, bateu um ventão: o bagual resvalou e foi caindo. Quando estava passando pela janela do apartamento, ele gritou para a patroa: 

- Só dois ovoooooooos!

Mas que falta de opção!

Correio Amoroso:

Guri, eu tenho muita fé em santos. É pecado pedir uma namorada para eles?

Pedro Toledo, de Sapucaia do Sul.

Pedro, o Licurgo já teve um problema parecido. Ele pensou em rezar para Santo Antônio, pedindo uma namorada. Porém, na hora, se atrapalhou com o nome do santo e fez o pedido para São Jorge. Agora, só entra dragão na vida dele. Pedro, se tu és muito feio e, mesmo assim, conseguir uma namorada com a ajuda de algum santo, isso deixa de ser pecado e passa a ser considerado um milagre. Então, relaxa!

Tirinha do Guri

Foto: Reprodução


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros