Saiba como combater o preconceito contra a população LGBT+ - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo24/09/2020 | 15h28Atualizada em 24/09/2020 | 15h28

Saiba como combater o preconceito contra a população LGBT+

Somos todos iguais e devemos respeitar o próximo para sermos respeitados

Saiba como combater o preconceito contra a população LGBT+ Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução
Andrea Alves

Quais expressões e comportamentos devem ser evitados para não reforçar o preconceito contra a comunidade LGBT+?

Somos todos iguais e devemos respeitar o próximo para sermos respeitados. Porém, o preconceito contra a comunidade LGBT+ ainda existe e atinge milhares de pessoas. No dia a dia, podemos tomar pequenas atitudes para combater esse preconceito. Aqui, listamos ações que devem ser colocadas em prática para que tenhamos uma sociedade menos injusta. Confira.

— Ao se referir a gays, lésbicas, bissexuais ou transgêneros, evite termos preconceituosos e corrija aqueles que reproduzem. 

— Se alguém disser que seu comentário foi preconceituoso, ao invés de debater e discordar logo de cara, aprenda a ouvir o que magoou o outro.

Leia as colunas anteriores

— Não faça suposições sobre a orientação sexual das pessoas.

— Em conversas, pergunte qual o pronome (ele ou ela) o indivíduo prefere que você use.

— Não faça uma grande tempestade com a utilização do pronome errado, mas se desculpe  e tente aprender a partir dessa ocasião.

— Evite perguntar a um transgênero qual é o nome que consta em sua certidão de nascimento. O importante é saber o nome social da pessoa, como ela prefere ser chamada.

— Não faça perguntas de cunho sexual.

— Não ofereça tentativas de elogios com base em estereótipos físicos como: "Eu nunca saberia que você é trans."

— Não faça qualquer comentário ou piada ofensiva às custas dos gays, lésbicas, bisexuais ou transgêneros.

— Entenda que a transição é única para cada indivíduo, além de ser uma escolha individual.

— Seja paciente com aqueles que ainda estão decidindo ou explorando sua identidade de gênero e não têm certeza de que termo preferem que você use.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros