De "animosidade" a "tchaki tchaki": confira o dicionário com expressões do "BBB 21" - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Torre de Babel01/03/2021 | 11h15Atualizada em 01/03/2021 | 11h15

De "animosidade" a "tchaki tchaki": confira o dicionário com expressões do "BBB 21"

Com sotaques de 11 Estados e 17 cidades brasileiras, reality show tem trazido palavras curiosas para uma parte da audiência

De "animosidade" a "tchaki tchaki": confira o dicionário com expressões do "BBB 21" TV Globo / Reprodução/Reprodução
Foto: TV Globo / Reprodução / Reprodução

Completando um mês no ar na quinta-feira (25), o Big Brother Brasil 21 tem trazido expressões bastante curiosas. O reality show reúne participantes de diferentes formações e regiões do Brasil, o que torna a casa uma verdadeira Torre de Babel. Afinal, são sotaques de 11 Estados e 17 cidades brasileiras.

Uma interrogação surgiu na cabeça de parte da audiência nos momentos em que as palavras "basculho" ou "fenotipicamente" foram proferidas na casa. A seguir, GZH preparou um pequeno dicionário com as expressões que marcaram o BBB até o momento.

A

Animosidade

Dentro ou fora da casa, Karol Conká fez questão de justificar seu comportamento explosivo ao fato de não ter controlado sua animosidade. Muitos espectadores ficaram intrigados: o que ela quer dizer com isso? Famosos também tiveram a mesma dúvida, como Luísa Sonza e Neymar.

Já Mari Gonzalez, participante do BBB 20, entendeu outra coisa:

Segundo o dicionário Aurélio, animosidade significa "aversão persistente, má vontade ou rancor". O termo pode também ser interpretado como uma qualidade positiva, tendo um sentido de energia ou vigor. No entanto, animosidade é mais utilizada para se referir a um comportamento agressivo fora de controle — que seria o caso de Karol. 

De qualquer maneira, a justificativa da sister não colou com parte da audiência, e a expressão virou meme:

Aulas, cria!

Para desespero de Carla Diaz, o crossfiteiro Arthur elogiou a atriz exclamando "aulas, cria!". Carla ficou confusa, assim como boa parte da audiência. Natural do Espírito Santo, o capixaba incorporou as  gírias do Rio de Janeiro, onde vive. 

"Aulas, cria!" significa "mandou bem", como se a pessoa tivesse dado uma verdadeira aula sobre o tema.  O "cria" que acompanha a expressão tem o mesmo sentido de  "irmão", "guri" ou "mano" — um jeito carinhoso de se referir a pessoa. 

B

Basculho

Exaltado em uma discussão com Pocah, Gilberto disparou:

— Eu não vim do lixo para perder para basculho não, meu amor. 

Ligeiramente confusa, a cantora questionou:

— O que é basculho?

Cansado do debate ou com preguiça de explicar, Gil se limitou a responder:

— Não importa.

Errado, Gil. Importa para a audiência. Tanto que na madrugada do dia 16 de fevereiro, o interesse pela palavra saltou de zero para 100 no Google Trends. No caso, 100 é quando um termo alcança seu pico de popularidade na busca.

Basculho é um regionalismo nordestino antigo, que significa resto, aquilo que todo mundo despreza, um lixo que não serve para ser reciclável mais. Algo que não presta para mais nada. Na discussão, foi um artifício de Gil para demonstrar desprezo por Pocah, embora tenha soado enigmático no fim. 

Bastião

Caio e Rodolffo<!-- NICAID(14716444) -->
Caio e Rodolffo em clima de bromanceFoto: Reprodução / Globoplay

Tratamento que Caio e Rodolffo utilizam um com o outro. Um jeito carinhoso de chamar um companheiro ou amigo. Por tanto utilizarem a expressão, a dupla do bromance goiano ficou conhecida como "bastiões".

C

Cachorrada

Após beijar Lucas em uma festa realizada na madrugada de 7 de fevereiro, Gilberto foi questionado pelos colegas se ele se sentiu usado. O economista negou e garantiu que "sentiu safadeza" e que "queria cachorrada". 

Expressão amplamente utilizada por Gilberto em sua estadia na casa, "cachorrada" pode significar confusão, bagunça ou até ser sinônimo de safadeza.

Criatura

Outra forma que os bastiões Caio e Rodolffo utilizam para se referir aos outros. Expressão goiana para chamar as pessoas.

Crôche

Expressão bastante utilizada por Caio. Em entrevista ao Gshow, a esposa do fazendeiro, Waléria, explicou que crochê é "o desenrolar da situação, de uma história". Conforme o dicionário Michaelis, "fazer crochê" pode ser também uma situação em que uma pessoa fala muito, mas não chega a conclusões plausíveis. 

D

Deslegitimação da shippada

Com uso e abuso de expressões ardorosas, que fariam mais sentido em um texto acadêmico, Lumena talvez merecesse um dicionário próprio. O uso mais marcante da palavra "deslegitimação" pela psicóloga ocorreu em conversa com Karol Conká. Na oportunidade, a cantora insinuou que Carla estaria interessada em Arcrebiano depois que a rapper e o brother trocaram beijos na casa. Surpresa, Lumena atestou:

— A deslegitimação dela em relação à shippada entre você e Bil, para mim, isso é muito grave.

Deslegitimar, no caso, significa anular a autoridade de alguém ou de alguma coisa. "Shippada" vem de "shippar", expressão utilizada quando um fã de determinada obra torce para que dois personagens acabem juntos numa história. Lumena quis dizer que a atriz tirou a legitimação do romance entre Bil e Karol.

E

É us guri

Lema de Nego Di. A escrita correta aqui é com erro gramatical mesmo. Expressão da Grande Porto Alegre que começou a se popularizar por meio dos aplicativos de dublagem em 2018. O humorista abraçou "É us guri" como bordão e projetou a expressão para todo o Estado. Jogadores da base da dupla Gre-Nal também adotaram o bordão. 

Eita, mulinga

Expressão exclamada por Juliette em algumas ocasiões. Em entrevista ao Gshow, uma amiga da advogada explicou que "eita, mulinga" é uma expressão de espanto ou surpresa. Algo como "Ai, meu Deus!".

F

Fenotipicamente

Durante um jogo da discórdia, Lumena comentou que houve diferenças no tratamento dado pela casa a Carla e Karol Conká após uma discussão entre as duas:

Psicóloga baiana tem um vocabulário próprioFoto: Gshow / Reprodução

— Me chamou atenção que a dor de uma mulher fenotipicamente branca acionou um acolhimento, e a dor de uma mulher fenotipicamente negra causou o distanciamento da casa.

Muitos espectadores relataram nas redes sociais terem boiado quando a sister falou "fenotipicamente". A palavra vem de "fenótipo",  que diz respeito a característica de um indivíduo, determinada pela sua genética ou pelas condições ambientais. No caso, a cor da pele é um fenótipo.

I

Itinerário

Em outro jogo da discórdia, Lumena afirmou que Carla Diaz não sairia campeã do BBB pois não enxerga na atriz uma "entrega sincera":

— Acho que esse é um jogo de entrega, em todos os sentidos, e infelizmente na minha jornada com ela até aqui, eu não consigo identificar nos meus itinerários com ela, uma entrega sincera, profunda, sobretudo em relação a produzir afeto, jornadas de fato que transcendam a mediocridade.

Conforme o dicionário Aurélio, "itinerário" é o caminho que se vai percorrer, ou se percorreu. Ainda pode ser o trajeto ou percurso. No caso, o caminho de Lumena é diferente daquele que Carla percorre. O rolê da atriz é um, e o da psicóloga é outro. Por aí.

J

Jaque Patombá

BBB 21: Karol e Lumena detonam Carla Diaz
Rapper ganhou apelido nas redesFoto: Reprodução / Globoplay

Este apelido de Karol Conká não foi mencionado na casa, mas ganhou muita popularidade nas redes sociais — em especial no Twitter. O maior hit da cantora é Tombei, em que ela canta o seguinte: "Já que é pra tombar, tombei". Então, Jaque Patombá é uma junção da frase "Já que é pra tombar". Com a popularização do apelido, muito espectadores passaram a se referir à rapper como Jaque nas redes.

Jornada

Palavra comumente usada por Lumena (vide o verbete Itinerário). Basicamente, é o caminho que se faz. Conforme o dicionário Michaelis, jornada pode ser "qualquer fato ou conjunto de fatos que diga respeito a uma ou mais pessoas e que se possa perceber ou entender como uma transição para determinado fim".

P

Pegue a visão

Expressão costumeiramente usada por Lumena que corresponde a "fique atento" ou "se ligue".

R

Ressignificação

Expressão usado por Lumena em mais de uma ocasião. Quer dizer dar outro sentido para algo, como um termo ou visão de mundo. 

T

Tchaki tchaki

Uma das expressões que mais se popularizaram no BBB 21 é "tchaki tchaki", de Gilberto. O Brother costuma dançar e falar "tchaki tchaki" quando está empolgado. Jacira, mãe de Gil, explicou ao Gshow que a expressão é "como se fosse uma alegria, quando ele está feliz, quando está contente, quando tem uma vitória". Ela exemplifica: "Quando ele terminava uma prova e passava, ele cantava e gritava no banheiro. Para ele é como se fosse alegria, felicidade, algo que ele conseguiu, algo que está mexendo positivamente com o seu emocional".

Em uma conversa na casa, Gil revelou que a expressão surgiu por meio da música Jai Ho, parceria de A.R. Rahman com o grupo The Pussycat Dolls:

— Como eu não sei a letra, eu canto "tchaki tchaki tchaki". Eu ouço essa música há muito tempo e como gosto da parte do "tchaki tchaki", aí fui adaptando.

Tome Nota

Mais uma expressão de alerta de Lumena. Pode ser interpretada como "fique ligado".

V

Vigor/Vigorar

Gilberto também é conhecido como "Gil do Vigor". Ele também costumeiramente costuma utilizar a expressão "vigorar". Em uma conversa na casa, ele explicou a origem:

— Quem criou "vigor" foi uma amiga minha, mas se tornou algo meu. Eu usava no meu dia a dia em todo momento. Eu chego na faculdade, não dou nem "bom dia" para o povo, de verdade. Eu falo: "Vigora! Tá vigorando? E aí, como é que está esse vigor?.

Para a sua mãe, dona Jacira, a expressão também significa "estudar, buscar algo, ser intenso no que se propõe a fazer”, como relatou ao Gshow.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros