Efeitos do isolamento social na libido - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando  de Sexo15/03/2021 | 13h43Atualizada em 15/03/2021 | 13h55

Efeitos do isolamento social na libido

Descanso e  criatividade  são algumas das dicas para apimentar a vida sexual neste momento

Efeitos do isolamento social na libido Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução
Andrea Alves e Lucia Pesca

Estou há quase um ano com problemas relacionados à falta de tesão. Acho que a pandemia afetou a libido de quase todo mundo, né?  Vocês poderiam dar dicas para amenizar um pouco esse distanciamento social e sexual?

Para aqueles que estão confinados, a monotonia, a exaustão e, possivelmente, as aulas online dos filhos tenham afetado muito o desejo. A maior parte de nossas vidas sexuais decaiu.  As pessoas estão se sentindo esgotadas, não há muito o que esperar, a energia está baixa: tudo isso afeta o desejo sexual e, portanto, menos sexo é feito.  Além disso, quando não saímos, não vestimos roupas bonitas e vemos nossos parceiros de pijama na maioria das vezes. Isso é desestimulante. É verdade que viver como estamos, em constante estado de ameaça por causa da pandemia, não é propício para exercer a sexualidade.

Leia outras colunas

Dicas

Precisamos nos sentir seguros e descansados para que o tesão venha à tona. Só assim, a vida sexual será colocada em marcha novamente. Às vezes, o primeiro passo é, simplesmente, parar, olhar nos olhos do parceiro e brincar. Pergunte ao par: está sozinho? Digamos que vocês dois estejam trabalhando em casa, mas em cômodos separados. Você pode enviar uma mensagem sobre uma lembrança sexual realmente ótima. São pequenas ações que podem ajudar a reacender a libido.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros