Defesa de Rose Miriam se manifesta após filho acusá-la de manipular as irmãs por herança de Gugu Liberato - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Impasse continua13/07/2021 | 09h21Atualizada em 13/07/2021 | 09h21

Defesa de Rose Miriam se manifesta após filho acusá-la de manipular as irmãs por herança de Gugu Liberato

Decisão de emancipar as gêmeas Marina e Sofia aos 17 anos foi vista como "duvidosa" por João Augusto

Defesa de Rose Miriam se manifesta após filho acusá-la de manipular as irmãs por herança de Gugu Liberato Reprodução / Instagram/Instagram
Após reivindicarem a exclusão de Rose Miriam do testamento ao lado do irmão, gêmeas estariam agora apoiando a mãe Foto: Reprodução / Instagram / Instagram
GZH
GZH

Mais um episódio envolvendo a herança de Gugu Liberato, morto em novembro de 2019 após um acidente doméstico, vem causando discórdia entre a família do apresentador. Nesta segunda-feira (12), o advogado que representa a mãe dos filhos de Gugu, Rose Miriam Di Matteo, saiu em defesa da cliente após ela receber acusações por parte do filho, João Augusto.

A nova polêmica teve início por conta da emancipação legal das gêmeas Marina e Sofia, 17 anos, que teria sido articulada por Rose Miriam. A atitude foi alvo de críticas por parte de João Augusto, outro filho do apresentador com Rose, que sugeriu que as irmãs estavam sendo manipuladas pela mãe. Em nota enviada ao site NaTelinha, o advogado defendeu Rose e as filhas, afirmando que João será o próximo a "ter os olhos abertos".

"Será uma questão de tempo — pouco tempo— para que ele (João Augusto) venha a descobrir que não são as irmãs ou a mãe as manipuladas nessa história toda. Cada um tem um tempo para crescer e amadurecer. A hora dele chegará com certeza, e estamos na torcida e de braços abertos. Reafirmamos acreditar que, a cada dia, estamos mais próximos de vermos a justiça ser feita", afirmou o advogado Nelson Willians.

A manifestação responde diretamente às acusações feitas por João Augusto, que encaminhou um texto ao colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, no qual faz duras críticas à mãe. Ele classificou a emancipação das irmãs como "duvidosa" e afirmou que elas estão sendo "manipuladas" no que diz respeito à divisão da fortuna deixada por Gugu, avaliada em quase R$ 1 bilhão. 

"Fico triste e indignado em ver as mentiras e a nova manipulação que vêm sofrendo as minhas irmãs, duas adolescentes, que não percebem que as pessoas estão atendendo a seus próprios interesses. Se tivessem mais idade e experiência perceberiam, sem dúvida", iniciou o herdeiro na nota. 

"Eu, como filho primogênito do meu querido pai, Gugu Liberato, repudio fortemente as notícias que circulam sobre a duvidosa emancipação das minhas irmãs e confirmo sem dúvida alguma, a minha confiança nos advogados da família: o Dr. Carlos Regina, à frente do inventário do meu pai e que contava com sua total e absoluta confiança por muitos anos, e Dr. Dilermando Cigagna Jr., que defende a nossa família dessa aventura fantasiosa e dos desacertos causados, infelizmente, pela minha mãe e sua família", acrescentou em outro trecho.

Outras acusações

Desde que Rose Miriam reivindicou parte da herança deixada por Gugu em testamento, documento no qual não é citada, outras críticas de João Augusto — e também das irmãs, que agora posicionam-se ao lado da mãe — foram direcionadas a ela. Em fevereiro de 2020, os três filhos do apresentador se manifestam publicamente sobre o caso. Em uma carta aberta enviada ao Fantástico, João Augusto, Marina e Sofia afirmaram não concordar com as atitudes da mãe na briga pela herança.

No texto divulgado na TV Globo, os herdeiros classificaram a disputa judicial como um "espetáculo": "Os filhos de Gugu Liberato, por meio de seus advogados, em respeito à memória de seu pai e à vista das últimas declarações postadas na mídia pela defesa de sua mãe (Rose), esclarecem que não esperavam e não pactuam deste espetáculo que pretende transformar a mentira em verdade, para desvirtuar os legítimos desejos de seu pai e, principalmente, a realidade por todos eles vivenciada".

A nota apontou ainda que os jovens, apesar de expressarem o seu respeito à mãe, entendiam que ela "deveria estar ao lado deles, não contra". De acordo com a declaração dos filhos no ano passado, Rose Mirian estaria envolvida em uma teia "por pessoas que querem dela se aproveitar, induzindo-a a negar os fatos e a se expor pessoalmente em situação vulnerável para impressionar desavisados".

Em novembro do ano passado, após a manifestação dos filhos, Rose Mirian falou publicamente sobre sua decisão de reivindicar parte da herança na Justiça. Ao Fantástico, a ex-companheira do apresentador declarou não querer "ficar à deriva" e afirmou que não estava travando uma disputa com os filhos: 

— Eu não estou em guerra com os meus filhos, não estou em guerra com ninguém. Nós não estamos em oposição. Meus filhos me amam, eu amo meus filhos, desejo o melhor para eles, mas eu tenho os meus desejos também.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros