Luciano Szafir diz que sofre com perda de memória após covid-19: "Palavras de repente saem da sua cabeça" - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Recuperação26/08/2021 | 09h22Atualizada em 26/08/2021 | 09h22

Luciano Szafir diz que sofre com perda de memória após covid-19: "Palavras de repente saem da sua cabeça"

Em entrevista a Fátima Bernardes, ator lembrou os 32 dias que passou internado em estado grave

Luciano Szafir diz que sofre com perda de memória após covid-19: "Palavras de repente saem da sua cabeça" TV Globo / Reprodução GShow/Reprodução GShow
Luciano Szafir participou do "Encontro com Fátima Bernardes" nesta quarta-feira Foto: TV Globo / Reprodução GShow / Reprodução GShow
GZH
GZH

Um mês depois de deixar o hospital no qual ficou 32 dias internado por conta de uma segunda infecção por covid-19, Luciano Szafir participou do Encontro com Fátima Bernardes nesta quarta-feira (25) para relatar como foi a batalha contra a doença.

— Achei que fosse morrer a qualquer instante, e hoje, quando acordo, agradeço a Deus por estar vivo, me recuperando, ao lado da minha família. 

A primeira vez que Luciano teve a doença foi em 2020, com sintomas leves. A segunda infecção ocorreu no final de junho e ocasionou a internação do ator em uma UTI no Rio de Janeiro. Ele teve uma série de complicações e chegou a passar por uma cirurgia para conter um sangramento abdominal.

— Eu estava bem e, de repente, o meu mundo caiu. Passei por uma colostomia e cheguei a ter o batimento a 180 (por minuto) dormindo. Tinha um medo constante. Ou eu estava sedado ou estava rezando ou pensando na família. Dá muita insegurança, muita ansiedade.

O ator perdeu 15 quilos enquanto esteve internado e agora mantém os cuidados em casa, com fisioterapia e assistência psicológica. Szafir também relatou ter tido perda de memória.

— É horrível. Nomes, palavras de repente saem da sua cabeça. Esses dias eu esqueci o nome do carregador de celular e pedi "aquele fio que coloca na tomada", é terrível. Mas volta — relatou. — Tem dias em que não dá vontade de sair da cama, mas eu me cobro e levanto. A minha recuperação é um presente. Agora tenho que fazer a cirurgia de reverso da colostomia.

O ator também fez um apelo para que as pessoas tomem cuidados para evitar o contágio:

— Usem máscara, higienizem as mãos e não se aglomerem. Não queiram descobrir da pior maneira. Esse vírus é muito traiçoeiro.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros