Britney Spears agradece fãs após vencer batalha de suspensão de tutela judicial: "Não tenho palavras" - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Após 13 anos de luta05/10/2021 | 08h31Atualizada em 05/10/2021 | 08h34

Britney Spears agradece fãs após vencer batalha de suspensão de tutela judicial: "Não tenho palavras"

Cantora relembrou movimento #FreeBritney e afirmou ter se emocionado com dedicação de seus apoiadores

Britney Spears agradece fãs após vencer batalha de suspensão de tutela judicial: "Não tenho palavras" Britney Spears Instagram / Reprodução/Reprodução
Ao ser ouvida pelo tribunal em junho, cantora declarou estar sendo totalmente controlada pelo regime de tutela Foto: Britney Spears Instagram / Reprodução / Reprodução
GZH
GZH

Depois de ter seu pai oficialmente suspenso da função de tutor na última quarta-feira (29), a cantora Britney Spears agradeceu, nesta segunda-feira (4), seus fãs em rede social. No Twitter, ela relembrou o movimento #FreeBritney, criado para lutar pela autonomia da artista que tinha a vida e finanças controladas por Jamie Spears há 13 anos, e afirmou ter chorado por duas horas pela dedicação de seus apoiadores.

"Movimento #FreeBritney... Não tenho palavras. Por causa de vocês e sua resiliência constante em me libertar da minha tutela, minha vida agora está nessa direção ! Eu chorei ontem à noite por duas horas porque meus fãs são os melhores e eu sei disso", escreveu ela na legenda de um vídeo em que ela está dançando.

Ao ser ouvida pelo tribunal em junho, Britney Spears declarou estar sendo vítima de abusos frequentes sob o regime de tutela. Entre as situações relatadas, disse ter sido obrigada a tomar medicamentos excessivos e impedida de tirar o DIU (dispositivo intrauterino, um método contraceptivo), mesmo que quisesse ter filhos. As declarações repercutiram no mundo inteiro, e o movimento #FreeBritney ganhou forças. 

No início de setembro, Jamie Spears entrou com uma petição em um tribunal de Los Angeles para encerrar o processo de tutela de sua filha. Apesar disso, sua saída estava prevista para acontecer somente na audiência sobre o caso, marcada para 2022. Contudo, Britney pediu à Justiça dos Estados Unidos para acelerar o fim da tutela, solicitação atendida pela juíza Brenda Penny. 

Ainda não é assinante? Assine GaúchaZH e tenha acesso ilimitado ao site, aplicativos e jornal digital. Conteúdo de qualidade na palma da sua mão.



 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros