Com patrocínio de empresa, bancas da Feira do Livro terão cobertura total para aparar a chuva - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Começa na sexta28/10/2021 | 12h38Atualizada em 28/10/2021 | 12h38

Com patrocínio de empresa, bancas da Feira do Livro terão cobertura total para aparar a chuva

Presidente da Câmara Riograndense do Livro, Isatir Bottin Filho diz que apoio surgiu faltando poucos dias para o início do evento

Com patrocínio de empresa, bancas da Feira do Livro terão cobertura total para aparar a chuva Isadora Neumann / Agencia RBS/Agencia RBS
Livros expostos na Feira do Livro de 2019, a última presencial antes da pandemia Foto: Isadora Neumann / Agencia RBS / Agencia RBS

Após a Câmara de Vereadores decidir não apoiar a 67ª Feira do Livro de Porto Alegre, o que gerou uma baixa de quase R$ 50 mil no orçamento do evento e a incerteza de que todas as bancas teriam cobertura para aparar a chuva, a Câmara Riograndense do Livro (CRL), organizadora do encontro, receberá patrocínio de uma empresa privada e os problemas, assim, serão solucionados a tempo.

Segundo o presidente da CRL, Isatir Bottin Filho, chegou à entidade a informação de que a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, após pedidos de revisão da decisão de não patrocinar o evento, iria realizar um apoio institucional no valor de R$ 25 mil — metade da quantia inicial. Porém, o representante da Feira do Livro destaca que um comunicado oficial não foi feito e que, ao procurar a casa legislativa, não obteve retorno. 

— Faltam dois dias para o evento e ainda não sabemos se eles vão nos apoiar ou não — diz o presidente da CRL. 

De acordo com Bottin Filho, graças a uma empresa que chegou “há poucos dias” para apoiar a Feira do Livro com cota de patrocínio, todas as coberturas serão colocadas no evento, evitando, assim, que as barracas dos livreiros fossem atingidas pela chuva na Praça da Alfândega. 

— Acredito que, agora, vamos conseguir contornar a situação e vai ficar tudo certo. Vamos conseguir fechar as contas — reforça. 

O presidente da CRL explica que, até a entrada do apoio desta empresa, a Feira do Livro tinha apenas uma parte de sua cobertura garantida, devido a uma emenda parlamentar. O valor que a Câmara de Vereadores iria destinar para o evento iria concluir a proteção das barracas. 

Mesmo com a notícia positiva para a conclusão da estrutura do evento, Bottin Filho lamenta a falta de apoio da classe política ao encontro literário: 

— A Feira do Livro é um evento muito querido da sociedade e importante para a cidade, embora alguns políticos não reconheçam. Por sorte, outros apoiam e participam. O público em geral apoia e adora ir até lá. Hoje estive na praça e o pessoal quando passa por lá diz: “Ah, que coisa boa que a Feira está voltando”. Dá para ver a alegria no rosto das pessoas. 

Em formato híbrido, a 67ª edição do evento começa nesta sexta-feira (29) e segue até 15 de novembro.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros