Temporada nos Estados Unidos, maternidade e tributo ao Rei: Marina Elali está de volta! - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Cadê Tu?21/10/2021 | 08h34Atualizada em 21/10/2021 | 08h34

Temporada nos Estados Unidos, maternidade e tributo ao Rei: Marina Elali está de volta!

Cantora retorna ao Brasil com novos shows e retoma projeto com músicas de Roberto Carlos

Temporada nos Estados Unidos, maternidade e tributo ao Rei: Marina Elali está de volta! Casnovo Assessoria / Divulgação/Divulgação
Marina retoma o projeto com músicas do Rei Foto: Casnovo Assessoria / Divulgação / Divulgação

Cantar músicas de Roberto Carlos e receber elogios do próprio Rei é privilégio para poucos. Marina Elali viveu tudo isso e foi além: desde 2018, se apresenta com um repertório só com músicas do ídolo. O show intimista tem a presença especial do maestro Eduardo Lages, fiel companheiro de palco de Roberto Carlos há mais de 40 anos. 

Morando nos Estados Unidos desde que engravidou de sua filha, Luna, dois anos, Marina está de volta ao Brasil para retomar o projeto Sucessos do Rei, que teve as primeiras apresentações no início do mês, no Rio de Janeiro. Em entrevista, a cantora, nascida em Natal (RN), fala sobre o período de reclusão por conta da pandemia, as transformações percebidas com a maternidade e, é claro, a música.

Marina Elali, cantora<!-- NICAID(14918922) -->
Cantora celebra volta ao trabalhoFoto: Casnovo Assessoria / Divulgação

A pandemia fez com que a artista, que é casada com o produtor musical Juan Carlos Salvatierra, passasse quase dois anos sem poder rever a família e os amigos, mas foi um tempo especial para que ela se dedicasse a seu maior projeto: a maternidade. Nascida em 2019, Luna mudou sua perspectiva por completo. 

– São muitas transformações, mas todas positivas. Hoje, eu me sinto uma mulher muito mais forte, mais corajosa – conta. 

Com Luna, seu maior projeto de vidaFoto: Instagram / Reprodução

Tantas emoções

As canções de Roberto Carlos sempre fizeram parte da vida de Marina. Anos depois, já com a carreira artística consolidada, ela conheceu o maestro Eduardo Lages, que topou o desafio de realizar um projeto só com músicas do Rei.

Marina Elali , cantora, eduardo lages, maestro<!-- NICAID(14918925) -->
No palco, com o maestro que acompanha o Rei há 40 anosFoto: Facebook / Reprodução

Autorizado e elogiado pelo cantor, o projeto teve início em 2018 e deu origem, além da turnê pelo Brasil, à gravação de um DVD especial. No entanto, o coronavírus interrompeu tudo por quase dois anos. Não é à toa, portanto, que Marina está exultante com a retomada das atividades.

Marina Elali , cantora, roberto carlos<!-- NICAID(14918924) -->
Roberto autorizou e aprovouFoto: Instagram / Reprodução

Mas engana-se quem pensa que ela ficou longe dos fãs no período mais crítico da pandemia. Passou a circular pelas redes sociais, um vídeo da cantora entoando Nossa Senhora, uma das mais belas composições do Rei. 

– Eu coloquei a música no Youtube, que viralizou durante a pandemia. Meu coração fica feliz em saber que essa mensagem chegou na casa de tantas pessoas num momento em que a gente está precisando tanto de fé, de carinho – diz Marina.

Trilhas sonoras

Além do romantismo, Marina e Roberto Carlos têm outra paixão em comum: as novelas. Ao chegar ao Rio de Janeiro para dar início à carreira, sua voz chegou aos ouvidos do diretor Jayme Monjardim, que se encantou nos primeiros acordes. E foi assim que, em 2005, a canção Você – do Rei, é claro – virou tema de Sol (Deborah Secco) e Tião (Murilo Benício) em América. Foi só a primeira de muitas canções em trilhas sonoras.

– As novelas mudaram a minha vida. Hoje, são mais de 20 trilhas em novelas, filmes e minisséries. Eu tenho um projeto, que a Som Livre lançou, Marina Elali – Novelas. Poucos artistas têm esse disco – diz. 

Entre os sucessos que embalaram personagens da ficção, estão Eu Vou Seguir, tema de Miriam (Gabriela Duarte) em Sete Pecados (2007), e One Last Cry, tema de Nanda (Fernanda Vasconcellos) em Páginas da Vida (2006). E anos antes de ser figurinha cativa nas trilhas, Marina fez uma participação no primeiro capítulo de O Clone (2001), atual reprise do Vale a Pena Ver de Novo.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros