Anitta vence processo após acusação de plágio em "Show das Poderosas" e irá receber R$ 30 mil de indenização - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Após oito anos26/11/2021 | 08h42Atualizada em 26/11/2021 | 08h44

Anitta vence processo após acusação de plágio em "Show das Poderosas" e irá receber R$ 30 mil de indenização

MC Bruninha argumentava que a artista havia copiado uma música composta pela mãe dela, mas que nunca foi gravada

Anitta vence processo após acusação de plágio em "Show das Poderosas" e irá receber R$ 30 mil de indenização Eduardo Bravin / Divulgação/Divulgação
MC Bruninha, a mãe dela Jane e o empresário André Werneck terão de pagar à Anitta uma indenização de R$ 30 mil Foto: Eduardo Bravin / Divulgação / Divulgação
GZH
GZH

Em uma briga judicial que se desenrola desde 2013, Anitta foi novamente considerada inocente no caso de plágio envolvendo a canção Show das Poderosas. Inicialmente, a artista foi acusada pela funkeira MC Bruninha de copiar sua música Corpo de Mola: Você Vai Pirar. A decisão mais recente, datada de 16 de novembro, foi proferida no âmbito da 16º Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro após ter sido realizada uma nova perícia, a segunda do processo.

Embora a canção de MC Bruninha nunca tenha sido gravada, a funkeira aponta que cantou um trecho da composição a capella na televisão antes de Anitta divulgar Show das Poderosas. Contudo, apesar das semelhanças, a Justiça concluiu não ter sido comprovado que Anitta soubesse da existência da música escrita pela mãe de Bruninha, Jane Lopes de Andrade.

Além de inocentar Anitta, o texto assinado pelo desembargador relator Carlos José Martins Gomes reconheceu o dano moral sofrido por ela.

"A atribuição de prática de ato ilícito, e mesmo criminoso, — que não se comprovou — tem o condão de lesionar os direitos de personalidade da parte autora, afrontando sua credibilidade frente ao público e atingindo sua dignidade e honra", iniciou. 

"Convém sublinhar que, ao teor dos autos, a obra questionada pelos réus era naquele momento a música que impulsionava a carreira da autora, no início de sua projeção no mercado musical, pelo que os efeitos da divulgação pública de plágio são presumivelmente agravantes", continuou.

Diante disso, Bruninha, Jane e o empresário André Werneck terão de pagar à artista uma indenização de R$ 30 mil, acrescidos de juros e correção monetária. 

Ainda não é assinante? Assine GaúchaZH e tenha acesso ilimitado ao site, aplicativos e jornal digital. Conteúdo de qualidade na palma da sua mão.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros