Confira dicas para combater o ressecamento vaginal  - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo15/12/2021 | 15h26Atualizada em 15/12/2021 | 19h28

Confira dicas para combater o ressecamento vaginal 

Condição pode afetar mulheres de todas as idades

Confira dicas para combater o ressecamento vaginal  Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução
Andrea Alves e Lucia Pesca

Gostaria de saber por que as mulheres perdem lubrificação com o passar do tempo. É possível solucionar isso com o uso de lubrificantes?

A falta de lubrificação vaginal pode ocorrer com mulheres de todas as idades. Na verdade, existe uma série de fatores, internos e externos, que ocasionam essa condição. Sim, o uso de lubrificantes é indicado para atenuar a secura vaginal. Existem diversos tipos de produtos. Confira!

Leia outras colunas

Óleo de coco - Por ser natural e não conter substâncias químicas ou sintéticas que possam afetar o pH da vagina, é o produto mais indicado pelos médicos. Tem ação bactericida e antifúngica. Por isso, diminui o risco de infecções, como a candidíase. Em casos menos complicados, pode aliviar fissuras e controlar infecções. Não deve ser usado com preservativos de látex.

Lubrificante à base de água - É o mais conhecido e fácil de ser encontrado no mercado. Não interfere no uso do preservativo.

Lubrificante siliconado - É resistente à água. Então, se você quiser transar na piscina ou no chuveiro, vai precisar deste produto.

Lubrificante com sensações - Proporciona sensações de refrescância ou aquecimento. 

Como lubrificantes são usados na região íntima, é fundamental observar a data de validade dos produtos, para evitar alergias. Se você não curte itens perfumados ou tem alergia, procure os neutros. Lembre-se de que lubrificantes siliconados podem manchar tecidos: na hora do sexo, tome cuidado para mantê-los longe de sua roupa de cama.

Cada corpo reage de uma forma diferente aos lubrificantes com sensações: para alguns, basta uma gotinha para sentir a potência do produto. Outros, precisam de um pouco mais. Então, experimente e veja qual será a reação no seu corpo.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros