Frequência sexual é o termômetro da relação? - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo08/12/2021 | 14h20Atualizada em 10/12/2021 | 11h13

Frequência sexual é o termômetro da relação?

Estresse no trabalho e dificuldades financeiras costumam diminuir a quantidade de relações

Frequência sexual é o termômetro da relação? Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução
Andrea Alves e Lucia Pesca

Eu sou casada há 10 anos, e nosso sexo mudou muito. Quando namorávamos, ele queria transar toda hora, mas, de uns anos para cá, a coisa despencou: o sexo rola raramente e, quando acontece, precisa de um bom oral para ele ter ereção. Quantas vezes por semana um casal deve transar?

Amiga, é normal o seu parceiro não se apresentar prontamente para o sexo: você precisa envolvê-lo e participar do jogo da sedução! Agora, após anos juntos, é comum que o ritmo do sexo seja a diferente. 

Algumas mudanças no comportamento do parceiro podem alterar o desejo do outro, e a responsabilidade disso é do casal. É preciso avaliar a vida sentimental e sexual da dupla, pensar nas alterações que ocorreram após o casamento e retomar o romantismo, as surpresas e o namoro.

Essa história de "normal" é muito relativa. O que é comum para uma pessoa pode não ser para outra. Algumas pessoas praticam sexo uma vez por mês com muita qualidade e se sentem completamente satisfeitas. Outras, todos os dias, mas é como se fosse uma ginástica: aquela obrigação que precisa ser cumprida, sem qualidade alguma.

Leia outras colunas

Satisfação

A frequência é determinada por cada casal e pode variar de acordo com o momento de vida. Estresse no trabalho e dificuldades financeiras costumam diminuir a quantidade de relações. O que os casais devem se perguntar é se estão satisfeitos, não se estão fazendo sexo quantas vezes deveriam.

Em uma pesquisa feita no Brasil, sobre frequência sexual, apesar de o sexo ter sido considerado essencial para ambos os gêneros, os dados mostraram que, em relação à quantidade, a resposta mais escolhida pelas mulheres foi "três vezes" quando perguntadas sobre o número ideal de relações por semana, enquanto que os homens escolheram a opção "oito vezes".

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros