Entre plantas e cowboys: relembre os perfis mais recorrentes de confinados no "BBB" - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Comportamento e estética11/01/2022 | 09h19Atualizada em 11/01/2022 | 09h20

Entre plantas e cowboys: relembre os perfis mais recorrentes de confinados no "BBB"

Ao longo de 20 anos, alguns tipos de participantes foram recorrentes no programa

Entre plantas e cowboys: relembre os perfis mais recorrentes de confinados no "BBB" Gianne Carvalho / TV Globo/Divulgação/TV Globo/Divulgação
Rodrigo Cowboy, vencedor do "BBB 2" e pioneiro no estilo agroboy no reality show Foto: Gianne Carvalho / TV Globo/Divulgação / TV Globo/Divulgação
GZH
GZH

O Brasil vai parar na frente da TV na noite do dia 17 de janeiro. Não, não tem jogo da Seleção na Copa do Mundo. Quase isso: começa a edição 22 do Big Brother Brasil. Seja com o grupo Pipoca (anônimos) ou Camarote (famosos), o reality show costuma trazer alguns participantes com perfis bastante singulares, vide Gil do Vigor (BBB 21) e Eliéser Ambrósio (BBBs 10 e 13). 

Contudo, há perfis que costumam se repetir no programa. Ao longo de 20 anos, quantas vezes já vimos um cowboy na casa? E aquele cara fortão e barbudo? Não só esteticamente: e os participantes plantas? E os coringas? Há quem seja divertido de acompanhar, enquanto outros parecem ser inimigos do entretenimento. 

A seguir, relembre alguns arquétipos que costumam passar pelo BBB.

Cowboy

Cézar Lima, participante do BBB 15<!-- NICAID(11317136) -->
Cezar Lima foi o campeão do "BBB 15"Foto: divulgação / TV Globo

O agro pode ser pop no BBB. Em três oportunidades, um cowboy saiu vitorioso: nas edições 2 (Rodrigo), 12 (Fael) e 15 (Cezar Lima). O jeito matuto e o sotaque interiorano costumavam cativar o público do sofá. No entanto, os agroboys andaram em baixa nas últimas edições, mas seguem como presenças constantes no programa  — Rodolffo e Caio representaram a classe no BBB 21.

Planta

Aquele participante que não gera entretenimento, que não aparece em VT, que não toma posição no jogo e que o público até esquece que está na casa. Foi fazer fotossíntese no reality. Porém, as plantas costumam ir longe no jogo. Chegam até a vencer o programa, como Cezar Lima (BBB 15), Munik (BBB 16) e Mara (BBB 6). 

Jéssica, no BBB 18, resumiu bem o sentimento sobre ser planta em discurso que havia preparado para o paredão:

— Posso ter saído como uma planta, mas pelo menos eu me considero uma planta bem florida.

Apesar da classificação como planta, Jéssica virou meme ao aconselhar a sister Patrícia: "Levanta a cabeça, princesa, senão a coroa cai". Ela também se tornou uma das finalistas da última edição de No Limite.

Jéssica Müller, do BBB18, agora participará do No Limite<!-- NICAID(14778971) -->
Jéssica não levou o prêmio no "BBB 18", mas chegou a ser finalista da última edição de "No Limite"Foto: Gabriela Nascimento / Gshow / Divulgação

Arcrebiverso

Termo que surgiu inspirado em Arcrebiano, do BBB 21. Todo ano, há um participante homem branco, musculoso, com barba, cabelo ajeitado e que vive sem camisa. Rodrigão (BBB 11), Guilherme (BBB 20), Lucas (BBB 18), Kadu (BBB 10), entre outros. Normalmente, são coadjuvantes.

Loira odonto

Versão feminina do Arcrebiverso. O termo se popularizou por meio deste tuíte:

Trata-se de um perfil constante no BBB: participante loira, malhada, patricinha e que parece ter sido encontrada em uma balada sertaneja. Assim como os rapazes do arcrebiverso, não costumam agregar muito à dinâmica do reality, mas podem sair com os milhões. Vale lembrar das campeãs Fernanda Keulla (BBB 13) e Paula (BBB 19). Outros exemplos: Sarah Andrade (BBB 21), Jéssica (BBB 18), Fernanda (BBB 10), Isabella (BBB 19), entre outras. 

Paula, finalista do bbb 19<!-- NICAID(14037321) -->
Paula acabou conquistando o prêmio milionário no "BBB 19"Foto: Victor Pollak / TV Globo,Divulgação

Jogadores

MASSUMI, PARTICIPANTE DO BIG BROTHER BRASIL 3#PÁGINA:07 Fonte: Divulgação Fotógrafo: Renato Rocha Miranda Data Evento: 00/01/2003<!-- NICAID(1410211) -->
Jean Massumi foi visto como vilão no "BBB 3"Foto: Renato Rocha Miranda / TV Globo/Divulgação

Em tese, por ser uma competição, todo mundo joga no BBB. Mas alguns participantes lembram mais disso do que outros. São estrategistas, que elaboram alianças e combinam votos para colocar adversários no paredão. São brothers e sisters que movimentam a casa. Infelizmente, alguns são vistos como vilões, vide Jean (BBB 3) e Dr. Gê (BBB 5). No BBB 20, havia Pyong e Felipe Prior, que jogavam abertamente. 

Coringas

Aqueles participantes que se entregam ao BBB e, consequentemente, ao entretenimento do público. Ou que perderam a paciência. Vale lembrar da Tina, no BBB 2, batendo as panelas para infernizar seus desafetos. Marcelo Dourado (BBBs 4 e 10), Prior (BBB 20), Dr. Marcelo (BBB 8) são outros exemplos de coringas que causaram bastante. 

Marcelo Dourado, vencedor do BBB10.<!-- NICAID(6689464) -->
Gaúcho, Marcelo Dourado participou de duas edições e foi vencedor do "BBB 10", sendo lembrado pelos fãs até hojeFoto: Extra / Divulgação


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros