Família de Natália, do "BBB 22", denuncia vazamento de vídeo íntimo da sister: "Pessoas sujas" - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Em investigação20/01/2022 | 12h25Atualizada em 20/01/2022 | 12h26

Família de Natália, do "BBB 22", denuncia vazamento de vídeo íntimo da sister: "Pessoas sujas"

Polícia Civil instaurou um procedimento para apuração dos fatos e fez pedido de medida protetiva contra o suspeito

Família de Natália, do "BBB 22", denuncia vazamento de vídeo íntimo da sister: "Pessoas sujas" Globo / Divulgação/Divulgação
Natália Deodato é modelo e trabalha como manicure Foto: Globo / Divulgação / Divulgação
GZH
GZH

A família de Natália Deodato, do Big Brother Brasil 22, registrou um boletim de ocorrência na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, em Belo Horizonte, após ela ter um vídeo íntimo vazado nas redes sociais. As informações são do g1.

Nesta quarta-feira (19), a Polícia Civil informou que foi instaurado procedimento investigatório para a apuração dos fatos e que também já foi feito o pedido de medida protetiva. 

— Um indivíduo fez um grupo, colocou o vídeo, montagens e começou a espalhar. Eu, como mãe, me senti indignada em saber que existem pessoas sujas que não gostam de ver o sucesso dos outros. É muito triste isso tudo, outras pessoas espalhando. É uma maldade coletiva — desabafou a mãe de Natália, Daniela Rocha, ao jornal. 

Conforme consta no registro policial, o suspeito de 39 anos já tinha ameaçado mostrar as imagens há cerca de dois anos. Ele teria jogado o vídeo nas redes sociais somente agora, após a entrada de Natália no BBB 22.

Ainda de acordo com o boletim, outros perfis em redes sociais ofereceram enviar as imagens caso recebessem dinheiro via Pix. O portal tentou contato no número que estaria divulgando o vídeo, mas ele está "temporariamente programado para não receber chamadas".

Daniela também comentou o momento da filha dentro do programa.

— A Natália já é uma vencedora de estar lá, uma negra com vitiligo — falou, sobre a doença da filha. — Estamos felizes com a entrada dela, é tudo muito novo para a gente. Faço um apelo para que as pessoas não compartilhem as imagens, é crime. Isso não vai ser cobrado só pela Justiça, tem um Deus que tudo vê.

A equipe responsável pelas redes sociais da sister fez um apelo, no Twitter, para que as pessoas denunciem se virem o conteúdo circulando. Os administradores disseram que o compartilhamento do vídeo "é um desrespeito à participante enquanto mulher e também à família dela" e informaram que irão tomar as "medidas cabíveis".

Quer receber as principais informações sobre Big Brother Brasil no seu e-mail? Se inscreva na newsletter de GZH do BBB no link.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros