Os desafios de conciliar sexo e maternidade - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo05/05/2022 | 14h11Atualizada em 05/05/2022 | 14h11

Os desafios de conciliar sexo e maternidade

O maior desafio é compreender que a mulher pode seguir agindo da mesma forma de antes

Os desafios de conciliar sexo e maternidade Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução
Andrea Alves e Lucia Pesca

Neste final de semana, celebraremos o Dia das Mães. É importante lembrar que figuras maternas também são mulheres e têm seu lado sensual.

Às vésperas do Dia das Mães, celebrado neste domingo, vamos conversar sobre a prazerosa, porém cansativa função materna. Elas podem ser sensuais quando e como desejarem e trabalhar quanto quiserem. No entanto, muitas mulheres, depois de terem filhos, se tornam só mães e se esquecem da vida íntima, da sexualidade.

A vida sexual ativa é muito importante para a saúde e o bem-estar da mulher. Por isso, não pode ser negligenciada mesmo após o nascimento dos filhos. Sexo é fundamental para a saúde emocional, mental e física, devendo ser estimulado pelo casal, inclusive com a divisão de tarefas para que a mulher não se canse tanto.

Leia outras colunas

Responsabilidades

Deixar de ser a supermulher, que consegue fazer tudo sozinha, pode ajudar a diminuir o cansaço: por isso, incluir o par nas tarefas com os filhos e da casa vai ajudar muito. Afinal, o parceiro (ou parceira) também tem responsabilidade em tudo que envolva a vida a dois.

O maior desafio da maternidade é compreender que a mulher pode seguir agindo da mesma forma de antes, trabalhando e se divertindo! Ela pode e deve se dedicar a cuidados pessoais e prazeres íntimos.

Redescobrir a sexualidade, que pode ter tirado uma soneca após a maternidade, é muito prazeroso. Parabéns a todas as mamães!

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros