Entenda como acontece o flato vaginal - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Falando de Sexo29/06/2022 | 14h56Atualizada em 29/06/2022 | 14h56

Entenda como acontece o flato vaginal

Exercícios de contração e relaxamento podem amenizar o problema

Entenda como acontece o flato vaginal Reprodução / Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução / Reprodução
Andrea Alves e Lucia Pesca

Eu solto "pum" pela vagina na hora H. Fico com vergonha, e o meu namorado ri. Qual é o meu defeito para isso acontecer?

Nenhum. O defeito é do seu namorado, já que ri e acha ser um problema só seu. Seu par não tem o direito de criticá-la ou desprezá-la por essa situação. Se ele a faz passar por constrangimento por isso, precisa lembrá-lo que faz parte do contexto.

Não se preocupe, porque essa é uma situação comum, chamada de flato vaginal. Essa condição ainda é considerada tabu e costuma causar constrangimento.

Durante a penetração, com pênis ou brinquedos sexuais, o ar entra na vagina e, às vezes, pode ser expelido de uma única vez repentinamente. Isso não significa que a região está larga ou relaxada. Apesar do barulho de "pum", o flato vaginal não tem odor ou secreção.

Leia outras colunas

Não há como evitar

Mas é possível tentar amenizar com a prática de exercícios de contração e relaxamento na região genital para fortalecer os músculos da região pélvica.

Algumas posições sexuais podem favorecer a entrada de ar na vagina e, consequentemente, o flato vaginal. Quando as pernas das mulheres estão abertas, isso acontece mais. Além disso, se o que está te penetrando – pênis ou vibrador – for totalmente removido da vagina e empurrado para dentro, vai trazer mais ar para a região.

Curta o seu momento e não fique pensando nisso. Não tente lutar contra esse fato. Se isso a incomoda muito, deve apenas experimentar diferentes posições.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros